As lindas praias de Natal

Com certeza você precisa conhecer esse paraíso chamado Natal, onde há praia, gente hospitaleira e bonita e muita diversão. Isso é apenas o começo, pois a capital potiguar oferece muito mais do que você imagina. Acompanhe-nos e conheça as lindas praias de Natal.

Ponta Negra

Trata-se de um bairro onde há melhor infraestrutura turística de Natal. Também é a praia mais agitada e barracas que oferecem sombreiros e cadeiras. Assim como em outras localidades litorâneas do nordeste, as águas são mornas principalmente no verão. Isso faz com que atraia uma variedade de espécies marinhas para reprodução.

Para quem deseja almoçar ou simplesmente fazer outra atividade fora da praia, não precisa ir muito longe, basta atravessar a orla que há restaurantes e comércios disponíveis, sendo tudo próximo um do outro.

Também nesta praia está localizado o morro do careca. Trara-se de uma elevação constituída de areia forrada com uma vegetação rasteira típica da região. Ótimo para diversão de toda família.

Praia de Ponta Negra – Natal. ( Foto:Reprodução) Créditos de imagem:http://onordeste.com/

Praia da Areia Preta

É  a região de natal onde se concentram mais edifícios tanto comerciais como residenciais. Recebe esse nome justamente por causa na coloração da areia. Dizem que ela é propicia aos idosos porque a substância que há nela ajuda na má circulação sanguínea.

Aos mais jovens, principalmente as mulheres, a areia retarda o envelhecimento da pele.  Então, além de diversão, a praia oferece tratamento alternativo também.

Praia Areia Preta – Natal
(Foto:Reprodução)
Créditos de imagem: http://rota84.com.br/

Praia dos artistas

Possuidora de piscinas naturais com ondas calmas, esta praia há muito tempo era a mais badalada do que Ponta Negra é hoje. Mas mesmo perdendo seu posto de agito, ainda sim está entre as praias mais bonitas do Rio Grande do Norte.

Lá um local ideal para passar o dia com a família, pois não mais tão badalada como era antigamente. Vale a pena conhecer a pria dos artistas.

Praia dos Artistas – Natal
(Foto:Reprodução)
Créditos de imagem: http://hoteisabeiramar.com.br/

Praia do cotovelo

É uma boa opção de praia para quem quer ficar com menos pessoas, fugindo da agitação de Ponta Negra. Também, trata-se de uma região belíssima com um visual deslumbrante, de encher os olhos com as falésias formadas ao longo de seu percurso e a água do mar calmo e claro. É a primeira praia do litoral sul de Natal, de fácil acesso.

Praia do Cotovelo – Natal
(Foto:Reprodução)
Créditos de imagem: http://www.pinterest.com/

Praia do Meio

Recebeu esse nome por ficar entre as praias de Ponta Negra e Praia dos Artistas. É um lugar mais frequentado pelos próprios moradores do que os turistas. É uma praia linda que possui um calçadão em toda sua extensão e uma vista exuberante para o mar. Não deixe de visitar essa praia na próxima viagem que fizer à Natal.

Praia do Meio – Natal
(Foto:Reprodução)
Créditos de imagem: http://www.panoramio.com/

Praia de Rendinha

A bem estruturada Praia de Rendinha se localiza na região norte de Natal. O lugar é o ponto de encontro entre o rio Potengi com o mar, proporcionando para quem deseja ver a beleza natural que há por lá. Há vários quiosques em toda sua extensão, por isso não é por menos que ela é a mais popular entre as praias de Natal.

Praia da Redinha – Natal
(Foto:Reprodução)
Créditos de imagem: http://pbturismojampa.blogspot.com.br/

Agora que sabe quais as praias mais lindas de Natal aqui no Dicas Free, é só pegar a mala e viajar, seja com a família, sozinho, com os amigos ou com sua gata. O mais importante é se divertir, aproveitar a vida ao máximo.

Como evitar frieiras da praia?

Com o aproximar do verão, os dias de calor são mais intensos e nos sempre convida a dar um mergulho na piscina ou no mar. Contudo, é importante que não se engane, essa época sempre vem acompanhada de uma típica vilã, a frieira ou como é clinicamente chamada, micose.

Trata-se de uma dermatofitose com maior incidência em períodos e climas quentes e úmidos, bem como a época do verão. O suor excessivo ou a umidade nos pés são os principais causadores da proliferação do fungo.

O problema pode ocorrer em homens e mulheres de várias faixas etárias. Nos homens se tornam mais comuns já que eles usam (por mais tempo) sapados fechados, impedindo que os pés respirem. A praia também é uma das principais “transmissoras” desses fungos. Para se proteger, siga nossas dicas abaixo.

Pisando na areia da praia (Foto: Reprodução)

O que fazer na praia?

A maneira é se prevenir antes de pisar na praia, lembrando de:

» Manter as unhas aparadas – Isso evita cortes e infecções abertas que possam apresentar riscos a saúde quando acompanhadas das micoses.

» Lavar os pés com bucha e sabão – Depois de higienizada, seque-os bem com uma toalha limpa. Também pode-se usar o papel higiênico entre os dedos, tornando o processo de secagem mais eficiente.

» Jamais utilize toalha úmida – Nem deixe os pés úmidos, qualquer tipo de umidade ajuda na proliferação desses fungos, também se mantenha calçado.

Mais dicas

» Na praia, prefira locais onde não há grandes aglomerações, tanto na areia quanto no mar. Opte por espaços mais limpos e que transmitam segurança.

» Após sair do banho de mar, seque bem todo o corpo. Antes mesmo de usar a toalha, mantenha-a guardada em uma sacola, nunca estendida ou embolada na areia, pois há risco de contaminação.

» Caso note algum sintoma como:

  • Coceira excessiva
  • Rachaduras
  • Ardor
  • Irritação da pele
  • Manchas avermelhadas

Procure imediatamente um dermatologista. O profissional irá ministrar o melhor tipo de tratamento para o caso.

» Apesar de ser comum nos pés, o fungo pode aparecer em diversas áreas do corpo como na virilha e até atrás das orelhas.

» Não troque peças de roupas, não dê, nem tome emprestado.

Não deixe que a frieira estrague sua festa, previna-se. Tomando medidas simples, evitará diversos desconfortos. Aproveite suas férias!

Praia perto de Orlando

Orlando é um dos lugares mais visitados pelos brasileiros devido suas atrações turísticas como o parque da Disney, uma grande diversidade de parques pela cidade, monumentos e muitas lojas de artigos de luxo e eletrônicos de qualidade mais baratos mesmo se comprados em dólar.

Além disso, a cidade de Orlando oferece uma ótima diversão noturna para quem é mais agitado. A vida noturna da cidade é ativa e pessoas de todo o mundo podem ser encontradas circulando nos bares e boates da cidade.

Mesmo para quem  consegue curtir todos as atrações acima mais ainda não abre mão da boa e velha praia para relaxa, tomar um bom banho de sol e curtir as ondas, existem algumas praias perto de Orlando que podem satisfazer esse desejo com bastante estilo e beleza. Mesmo que a cidade não seja conhecida por belas praias, é possível achar bons lugares para relaxar com a brisa do mar.

A praia de Cocoa Beach pode ser considerada uma das mais importantes da região devido ao fato de ser o lar do surfista 8 vezes campeão do mundo. A praia possui uma aparência bem ao estilo do surf com boas ondas e um clima de diversão. Muitos restaurantes e e bares praianos abertos de dia e de noite estão disponíveis além da maior loja de surf to mundo.

A praia de Clear Water também é uma boa opção para quem gosta de se divertir de várias maneiras. Ela possui um famoso pier onde acontecem diversos shows praianos durante o por do sol que é muito apreciado na região. O lugar é principalmente frequentado por jovens que gostam de estilos alternativos ou pop e é considerada uma das praias mais bonitas dos Estados Unidos.

Agora que você sabe as melhores opção de praia perto de Orlando não vai marcar bobeira não é? Quando der uma passado por lá, não deixe de relaxar nas praias americanas e curtir as atrações noturnas.

Como se proteger do sol na praia

A incidência solar nas praias costuma ser maior.

As idas à praia intensificam-se nas férias de verão principalmente pelo clima quente e aberto e a disponibilidade de tempo. Milhões de pessoas vão as praias de país afim de se refrescarem nas águas do mar e curtir o que as cidades tem a oferecer.

Contudo, se divertir na praia, além de parecer algo inofensivo, pode ter seus riscos principalmente para as pessoas que não são acostumadas com essas atividades e com exposição excessiva ao sol. O risco de queimaduras é muito grande e elas podem acabar estragando as férias na praia.

Para evitar que isso aconteça, comecemos pelo básico. O protetor solar é essencial e indispensável nos dias em que for a praia e até mesmo nos dias em que só ficar na cidade. A incidência de raios solares e saudável ao corpo por conter vitamina D mas em excesso esse quadro vira-se contra o indivíduo. O protetor solar (de preferência o de proteção UV) impede que os raios solares atinjam a pele de maneira danosa.

Vale lembrar que a cada vez que se entra no mar, a água salgada remove a proteção do filtro solar. Toda vez que entrar no mar, ao sair, deve-se passar o filtro solar novamente para garantir a proteção.

A utilização de bonés e óculos escuros – de qualidade e de proteção contra raios UV e UVA – é de muita importância. Áreas sensíveis como o pescoço, orelhas, rosto e cabeça devem ser protegidas da incidência solas. Os olhos também também são sensíveis e é aconselhado o uso de óculos escuros pelo  tempo que conseguir.

Recomenda-se que não entre na praia no período de 10:00 a 15:00 por ser o pico de sol, período com maior incidência solar e maior perigo de queimaduras na pele. Mantenha-se hidratado com água, sucos ou água de coco e evite comidas essencialmente gordurosas.

Em tempo de cicatrização pode ir pra praia

Praia de Guarujá

Fim do ano e férias lembram um lugar muito comum a maioria dos brasileiros: a praia. Durante as férias, muitos brasileiros que moram em regiões longe das regiões costeiras deslocam-se em busca de diversão, sol, mar, e descanso nas cidades de praia.

As mulheres aproveitam para “pegar uma cor” e sentirem-se do jeito brasileiro mais atraente e os homens gostam de se reunir para tomar aquela cerveja e jogar aquele futebol de areia.

As férias na praia tem seus milhares de pontos positivos mas em alguns casos podem representar algumas complicações com relação a machucados abertos, piercings e tatuagens.

É importante saber que qualquer ferimento deve ser mantido longe do sol para que a cicatrização aconteça naturalmente e de forma saudável. O sol em excesso acaba queimando o ferimento, dificultando ainda mais o processo de renovação do tecido perdido na lesão, além de ser bastante dolorido. Ao fazer tatuagens ou piercings, deve-se ficar longe da exposição solar por algum tempo (tempo recomendado pelo tatuador ou aplicador do piercing de acordo com os materiais e a técnica usada) para evitar problemas na cicatrização.

Tatuagens e aplicação piercings levam tempo para cicatrizarem.

Outro fator importante é a grande quantidade de areia na água do mar e fora do mar. É altamente desaconselhável entrar no mar com qualquer ferimento, seja por lesão, tatuagem ou piercing. O sal do mar fará um efeito parecido com as exposições solares. Além de arder bastante em alguns casos, dificulta e infecciona a ferida.

O acúmulo de areia (em geral, trazida pelo próprio vento) nas feridas, tatuagens e piercings recentes, infecciona o processo de cicatrização e pode ocasionar em problemas mais sérios. Para os casos do piercing, o ideal e que se coloque 6 meses antes das férias, pois é esse o período necessário de cicatrização. Tatuagens tem cicatrização em cerca de 20 a 30 dias. Outras feridas vai depender da orientação médica, do tamanho e grau de intensidade.