Dor no olho agulhada

Muitas pessoas sentem dor nos olhos, e essa dor poderá vir acompanhada de agulhada. Posto isto, existem muitas causas de dor e pontadas nos olhos, logo, é necessário descobrir a causa para evitar que prejudique gravemente a visão.

O correto a se fazer diante essa situação é buscar o auxílio de um médico oftalmologista, dado que somente um especialista poderá diagnosticar o problema para iniciar o tratamento adequado.

Veja a seguir, os dois grupos que dividem as causas de dor nos olhos:

• Dor ocular
• Dor orbital

Dor nos olhos está relacionado às estruturas exteriores da superfície do olho, portanto, é importante que os olhos descansem, especialmente em casos de dor para que seja aliviada.

Por exemplo, pessoas que usam lentes de contato, devem ficar um tempo sem usar e só voltar a usar quando sentirem que a dor no olho melhorou de alguma maneira, pois, toda dor é um aviso de que algo está errado.

Veja a seguir, as possíveis causas de dor no olho:

Conjuntivite: É um problema ocular comum, conhecida principalmente como conjuntivite viral, que afeta a conjuntiva deixando-a inflamada e com cor rosada. A dor no olho geralmente não é forte e os sintomas são:

• Coceira
• Vermelhidão
• Drenagem

Já a conjuntivite alérgica pode estar relacionada a química, bacteriana, viral ou inflamação da conjuntiva, que é a membrana que reveste a pálpebra que cobre o globo ocular.

Abrasões da córnea e úlceras de córnea: Córnea é a superfície transparente do olho, sujeita a abrasões que se sucede de arranhões na superfície da córnea ou do uso exagerado de lentes de contato.

Já ulcerações podem ser acarretas de infecções ou abrasões. Origina-se então uma leve sensação de que algo está no olho, como corpos estranhos encontrados na córnea ou na conjuntiva

Queimaduras químicas e queimaduras por raios solares: a exposição excessiva dos olhos ao ácido ou substâncias alcalinas, podem provocar queimaduras químicas. Já intensas fontes de luz podem ocasionar queimaduras em Flash, logo, é importante proteger os olhos corretamente dessas fontes de luz.

Blefarite: Ocorre quando as glândulas de óleo obstruídos nas bordas das pálpebras inflamam a pálpebra.

O terçol ou calázio: Uma glândula sebácea bloqueada ocasiona dentro da pálpebra um caroço que dá para ver ou sentir, provocando uma dolorosa irritação no local, principalmente em crianças e adultos.

Dor orbital: surge como uma dor profunda e opaca no olho, normalmente, ocasionada por doenças de olho.

Glaucoma: Ocasionada por aumento na pressão intra-ocular ou por pressão interna no olho, que provoca problemas de visão, podendo levar a cegueira caso o tratamento correto não seja feito.

Irite: Dor profunda nos olhos, provocada pela inflamação da íris ou na parte colorida do olho.

Neurite óptica: Inflamação do nervo óptico, que liga-se ao fundo do olho. Os sintomas comuns são: pressão por trás do olho, alteração da visão e dor ocular. Entenda que esclerose múltipla, infecções virais ou infecções bacterianas, podem ser os responsáveis por essa inflamação.

Sinusite: É a infecção bacteriana ou viral dos seios.

Enxaqueca: Dor de cabeça capaz de provocar dor no olho orbital.