DicasFree.com » Religioso » Como desenvolver a mediunidade sozinho?

Como desenvolver a mediunidade sozinho?

Entenda como funciona o desenvolvimento da mediunidade sozinho. Outras informações sobre o assunto você acompanha no decorrer desta interessante matéria.

     

A sensibilidade pode ser entendida de várias formas, dentre elas está a mediunidade. O conhecimento que cada indivíduo tem de si é que fará com que ele desenvolva ou não a mediunidade. Existem muitas pessoas que utilizam de sua sensibilidade para justificar suas principais fraquezas, indicando a falta de coragem e impedindo-a de assumir seus próprios erros.

Mas todo tipo de comportamento que possa diminuir sua existência é consequência de vícios comportamentais. Eles tem o objetivo principal de fazer a sabotagem do espírito, impedindo que o desenvolvimento da verdadeira sensibilidade possa se manifestar em seu corpo, denotando dessa forma o que chamamos de mediunidade. Todos somos médiuns, só precisamos descobrir.

Aqueles que não se apresentam com um pingo de sensibilidade são os que mais sofrem para descobrir e desvendar os seus próprios mistérios. Esses precisarão de ajuda de médiuns mais experientes. Para que seja possível descobrir sozinho, é necessário que esteja cheio de interesse e principalmente se apresente como uma pessoa sensível e sobretudo segura.

O estudo do espiritismo é o ponto chave para as descobertas. A princípio será necessário que invista seu tempo e dinheiro em livros que denotam coisas importantes sobre o seu crescimento como ser humano. A doutrina espírita deve ser levada a sério em primeira instância. É possível que você tenha contato com espíritos reencarnados, nessa hora a educação e o bom senso são indispensáveis.

Dentre os pontos mais destacados estão:

  • Estudo da doutrina espírita;
  • Dedicação no atendimento a espíritos encarnados e desencarnados;
  • Esforço para a reforma íntima;
  • Prática no dia a dia do mandamento maior (amar ao próximo);

Espírito (Foto: Reprodução)

Todos esses pilares estão interligados e são responsáveis pelo seu desenvolvimento. Quando não os respeita, dificilmente terá sucesso em sua empreita. Entendendo sempre que a mediunidade se categoriza principalmente com o contato com o mundo espiritual. A pergunta se fazer nessa hora: Você está preparado para lidar com isso?

Todo aquele que se aventura em tal processo e não está preparado pode ser muito perturbado por espíritos ruins. É importante reavaliar e saber se realmente está disposto a correr o risco. O mestre principal de tal processo é Ramatís, que deixa a seguinte orientação:

“Os mentores espirituais aconselham aos médiuns, modéstia, humildade e constante autocrítica, a fim de não crescerem em sua intimidade as flores ridículas que enfeitam a vaidade humana.” 

Quanto mais espiritualizado estiver, mais propenso estará para o desenvolvimento da mediunidade. Mas não deverá correr o risco sem estiver sendo muito bem supervisionado e orientado. Só comece o desenvolvimento de sua mediunidade sozinho se acreditar fielmente que pode conseguir segurar todo o mal que pode vir a decorrer.

Texto do mesmo assunto:

  • Use nossa busca. É simples! Quem sabe temos o que você procura?

Quer comentar ?