Sinais de uma dor de cabeça perigosa

Não é nada incomum ver pessoas reclamando de dores de cabeça diariamente, por isso é preciso descobrir o que está instigando essas dores de cabeça, principalmente para saber se esse tipo de dor de cabeça é perigosa, dado que a dor pode estar na pele, músculos, veias, dentes e terminações nervosas da cabeça.

É necessário realizar o diagnóstico para descobrir a causa, pois até mesmo as células cerebrais podem ser indícios de uma dor de cabeça mais séria, logo é preciso de urgência para um tratamento adequado.

Geralmente, pessoas com dor de cabeça, sentem pontadas intensas numa determinada área. Ao sentir a cabeça latejando, o remédio mais usado por elas é o analgésico, mas dependendo do caso, não é a solução.

Não é a solução, pois, dores de cabeça que incluem sintomas de náusea, por exemplo, é indício de um problema mais sério e para descobrir a causa é de extrema importância passar por uma avaliação médica.

Veja a seguir, os tipos de dores de cabeça mais comuns:

Dor de cabeça tensão: Essa dor de cabeça acontece bastante, pois ela é indício de estresse. Caso tenha sentido uma dor difusa, localizada em cima da cabeça, especificamente na testa, pode ser que a sua dor de cabeça seja de tensão. Frequentemente, essa dor é gerada por qualquer motivo que tenha causado estresse, como insônia, noites mal dormidas e até mesmo por uma discussão iniciada no ambiente de trabalho.

Cefaleia em salvas: Não se sabe ainda o motivo exato que sucede essa dor de cabeça, porém é necessário evitar álcool e cigarro, que podem ser os causadores ou podem influenciar no agravamento da dor. A mudança de clima também pode ser um dos responsáveis por essa dor de cabeça, localizada apenas de um lado da cabeça, atingindo também a região dos olhos, que ficam sensíveis à luz, podendo lacrimejar. Geralmente, essa dor de cabeça ocorre em torno de vinte a uma hora, podendo desaparecer e voltar no dia seguinte.

Enxaqueca: Dor localizada na região das têmporas, em um dos dois lados. A maioria das pessoas que possuem enxaqueca tem problemas de vista, logo os olhos ficam sensíveis à luz. O barulho é outro item que incomoda bastante quem sofre de enxaqueca. A enxaqueca pode durar horas ou se estender a dias. Sendo assim, é necessário tratar a enxaqueca com medicamentos prescritos por médicos.

Sinusite: É ocasionada pela inflamação dos seios da face, ou seja, sinusite aguda. A dor é na maça do rosto ou abaixo dos olhos, e é causada pela sinusite do seio maxilar. Já a dor localizada na testa, unilateral ou dos dois lados é causada pela sinusite frontal. Sinusites do seio etmoidal e esfenoidal podem estender a dor para toda a cabeça.

Alimentos podem causar dor de cabeça: Existem alimentos que ajudam a aumentar a dor de cabeça, principalmente em pessoas que possuem excesso de gordura. O açúcar e o café, são dois itens que devem ser evitados por pessoas que sentem muita dor de cabeça. Acontece que ao ingerir o açúcar, a glicemia do sangue sobe e cai em um nível rápido, fazendo com que o organismo busque outra forma de mecanismo para conservar a glicose cerebral. Já o café, possui cafeína que provoca o aumento da dor de cabeça, pois a sua ação é vasodilatadora nos vasos sanguíneos do corpo e vasoconstritora dos vasos sanguíneos do cérebro.

Dores de cabeça perigosas:

• Dores de cabeça ao levantar.
• Dores de cabeça após uma pancada.
• Fortes e rápidas dores de cabeça.

Importante

• A ressaca também influencia na dor de cabeça, dado que o auto consumo de álcool, gera a desidratação, pois, cai o nível de açúcar do corpo, ocorrendo também a dilatação das veias da cabeça. Logo, é necessário beber muita água, porém a dor de cabeça pode durar por muitas horas.
• Já foi constatado que pessoas que ingerem muitos remédios para dor de cabeça acabam sendo reféns de uma dor de cabeça frequente, pois, o cérebro se torna refém de remédios como aspirina, ibuprofeno e paracetamol. É necessário buscar um tratamento adequado, antes que o uso desses remédios se tornem em vício.
• Existe a enxaqueca abdominal, geralmente passada de pais que sofrem de dor de cabeça para os filhos. Porém, a criança sente a dor no estômago no lugar da cabeça. Essa dor vem acompanhada de vômitos, incluindo a falta de apetite, podendo durar por muitas horas, estendendo-se a dias.
• Aromas, como de perfumes, podem causar fortes dores de cabeça, principalmente quando o aroma é muito forte. A dor é causada, pois o aroma desencadeia as células nervosas do nariz.

Atenção:

• Preste sempre atenção nas dores de cabeça que surgem do nada, principalmente quando ela vem muito forte. Pois, não cuidando dessas dores de cabeça repentinas poderá ocorrer a ruptura ou distensão de um aneurisma cerebral, ou seja, a dilatação de alguma artéria.
• Preste sempre atenção, se a dor de cabeça vem acompanhada de dores musculares, modificação na sensibilidade, principalmente se ocorrer confusão mental. Veja se há alteração na visão e dificuldade para falar ou andar, pois a dor de cabeça poderá estar associada a sintomas neurológicos, logo, precisará de socorro médico.
• Atenção para as dores conduzidas por dores no corpo, que ocasionam febre, náusea, manchas e até mesmo calafrios. Pois, poderá ser casos graves, como meningite e sinusite.
• Atenção para pessoas idosas, gestantes e crianças que sofrem de dor de cabeça. Esses casos são especiais, pois há uma certa fragilidade, uma vez que por trás da dor de cabeça pode haver problemas mais sérios.
• Atenção para as dores de cabeça que ocorrem diariamente, pois não é normal sentir dor de cabeça todos os dias. Essas dores podem estar associadas a problemas graves no crânio, por exemplo, tumores e trombose venenosa.

Benefícios do potássio e magnésio

O magnésio e o potássio são dois elementos minerais fundamentais para o organismo humano. Sendo assim, a seguir, entenderemos um pouco mais da importância do magnésio e do potássio. Confira!

• O corpo humano possui em torno de 21 a 28 gramas de magnésio, especialmente nos ossos, músculos e tecidos.
• O potássio é o cátion intracelular mais importante, devido a sua forma de íon que ocasiona a manutenção e o potencial da membrana.
• O magnésio é fundamental para o desempenho do organismo, pois, funciona como contração e relaxamento muscular. Fundamental também para o funcionamento de algumas enzimas do organismo, para a produção e transporte de energia, assim como para produção de proteínas.

Benefícios do magnésio:

• Reduz a ação dos radicais livres nas células.
• Reduz o risco de envelhecimento precoce.
• Reduz problemas de hipertensão.
• Favorece o funcionamento cardíaco.
• Auxilia a limpar as artérias.
• Auxilia na prevenção de diabetes.
• Mantém os ossos saudáveis.

Benefícios do potássio:

• Auxilia para que o coração tenha bom funcionamento.
• Auxilia a equilibrar o nível de água no organismo.
• Auxilia na regulação da pressão arterial.
• Auxilia a equilibrar os músculos.
• Previne acidentes vasculares cerebrais (AVC)
• Previne contra cãibras.

Alimentos ricos em magnésio

• Abacate
• Banana
• Uva
• Beterraba
• Quiabo
• Batata
• Espinafre
• Couve
• Granola
• Aveia
• Farelo de milho
• Gergelim
• Girassol
• Castanha
• Amendoim
• Farinha de soja
• Tofu
• Arroz e suas variedades integrais.

Alimentos ricos em potássio

• Banana
• Laranja
• Acerola
• Abacate
• Castanha-do- pará
• Brócolis
• Tomate
• Feijão
• Mamão
• Figo
• Uva
• Batata
• Milho
• Caju
• Melão
• Maracujá
• Ameixa
• Cenoura
• Beterraba
• Espinafre

O que causa falta de magnésio:

• Alcoolismo crônico, cirrose hepática, problemas de absorção, vômitos severos, acidose diabética e abuso de diuréticos. Alta excitabilidade, debilidade nos músculos e sonolência, podem ser sinais de falta de magnésio.
• Pessoas com insuficiência renal devem ter cuidado para não perder magnésio.

O que causa falta de potássio:

• O nome dado para a ausência extrema de potássio é Hipocalemia.
• O potássio torna-se insuficiente quando é liberado, principalmente por meio da urina, fezes, vômitos, consumo abusivo de álcool, desequilíbrios metabólicos, ingestão de medicamentos, entre outros fatores.
• A falta de potássio causa alteração nos potenciais de membranas celulares, que ocasiona fadiga muscular, complexidade no trânsito intestinal, disritmias cardíacas e cansaço.

Tipos de pedras preciosas e suas cores

Existem muitas pedras preciosas, que não só são preciosas, mas também apreciadas por muitos, pois, a beleza, a cor e o brilho de cada pedra traz consigo características únicas, posto isto, são mais de 130 espécies minerais consideradas como pedras preciosas.

Acompanhe a seguir, alguns tipos de pedras preciosas:

ÁGATA: essa pedra é integrante da família quartzo. Possui cores naturais e tingidos. Acredita-se que essa pedra tem poder curativo e melhora a auto-estima.

ÁGUA-MARINHA: muito comum em joalherias, essa pedra é atraente sílica que contém alumínio e berílio. Acredita-se que essa pedra auxilia combatendo os nervos, garganta, fígado e problemas estomacais.

AMBAR: é uma espécie de quartzo cristalino. A sua formação instiga o pensamento criativo, além de combater doenças do sangue, nevralgia, convulsões e insônia.

ALEXANDRITA: é um tipo de mineral crisoberilo, sendo assim, possui muito valor e é muito apreciada por joalheiros. A sua cor é mudada de acordo com a luz, por exemplo, em luz natural a sua é verde-oliva, mas em luz artificial a sua cor fica vermelha.

AMETISTA: pertence ao quartzo cristalino, e é muito utilizada em joalherias. Essa pedra é conhecida por combater a doenças do sangue, nevralgia, convulsões, insônia, dor e embriaguez.

AVENTURINA: a cor mais comum dessa pedra é verde, porém, pode ser encontrada em várias cores. Acredita-se que essa pedra faz bem para a pele e também para a criatividade.

AXINITE: essa pedra é totalmente natural, a sua composição é de borossilicato de cálcio, magnésio, manganês e ferro.

CITRINO: um tipo de quartzo cristalino, no entanto, possui cor amarela. Pessoas que usam essa pedra possuem maior controle emocional, além de melhorar a circulação do sangue.

CORNALINA: sua cor é avermelhada ou alaranjada, essa pedra é um quartzo translúcido, logo, é uma pedra natural, muito utilizada para o reumatismo, depressão e nevralgia.

CRISOCOLA: essa pedra é considerada um mineral de origem secundária, formada em áreas de oxidação de depósitos minerais ricos em cobre. Os minerais que possuem ligação com a pedra são: quartzo, azurita, malaquita, cuprita.

CRISOPRASE: essa pedra é a mais valiosa do quartzo cripto/microcristalino, a sua composição química é de dióxido de silício.

ESPINELA: essa pedra possui uma certa impureza em seu cristal, logo, suas cores são diversas. A mais conhecida é a espinela vermelha.

PEDRA DA LUA: o seu brilho é leitoso, sendo que as pedras naturais possuem uma cor mais azulada. Essa pedra é um silicato de alumínio que contém potássio. Acredita-se que essa pedra dá inspiração, aumenta as emoções e favorece a fertilidade.

GRANADA: Feita de magnésio, a sua cor é vermelho-sangue. As pessoas usam essa pedra para combater a depressão, além de promover a autoconfiança e autoestima.

HERMATITE: essa pedra é um óxido de pedra, que combate doenças do sangue.

JADE: pedra de silicato com cor verde, além de ser natural é muito valorizada. A jade atrai amizade, sorte e sabedoria.

Alergia no rosto causa espinha

Sim, acnes no rosto podem ser resultado de uma alergia alimentar. A pele pode ser provocada quando o indivíduo consome alimentos ao qual tem alergia, logo, corre o risco de potencializar um surto existente.

Veja a seguir, os alimentos que dão mais alergia:

• Leite e seus derivados
• Ovos
• Amendoim
• Nozes
• Frutos do mar
• Mariscos
• Soja
• Trigo.

Compreenda que os sintomas de uma alergia alimentar podem surgir horas depois da ingestão ou até mesmo um dia depois, sendo assim, nem sempre é fácil descobrir a causa das acnes, além disso, as acnes podem demorar para sair, mesmo que o sistema imunológico tenha expulsado o alérgeno.

Veja a seguir, dica de tratamento para acnes:

http://www.sitedebelezaemoda.com.br/acabar-com-cravos-e-espinhas/

• Usar um sabonete adequado para retirar as camadas de pele morta, principalmente quando já existe o uso de medicamentos e hidratante, no entanto, o uso deve ser moderado para não ocasionar inflamação.
• Não arranhe e nem esprema as espinhas.
• Produtos com ácido salicílico ajudam a acabar com as bactérias, incluindo o vermelhidão.
• Ácido salicílico, peróxido de benzoíla, enxofre ou resorcinol, são ingredientes essenciais para o tratamento de acne.
• Mantenha a pele sempre limpa, lave o rosto ao menos duas vezes durante o dia, use tonificante para remover o óleo e o excesso de sujeira.

Prevenção

É importante encontrar os motivos para o surgimento de acnes, dado que até o estresse causa espinhas. Posto isto, após encontrar o motivo, por exemplo, o alimento que causou alergia, é essencial passar a evitar esse alimento.

Anti-histamínicos, é ótimo para quem possui alergia, pois, ajuda o organismo a suportar os alérgenos, porém, o mais indicado é anular esse alimento do cardápio para que o sistema imunológico não atue.

Alergias podem ocasionar alguns sintomas, sendo que esses sintomas podem ser mais graves ou não. Por exemplo: Coriza, olhos lacrimejantes e urticária.

Dermatologista ou alergista

Quando a acne é muita, o tratamento adequado é com um dermatologista, dado que muitos são especialistas em acne induzida por alergias, logo, o tratamento será eficaz.

Para tratar a alergia o correto é ir em um alergologista, este profissional aplicará o teste de alergia alimentar ELISA, responsável por encontrar os alimentos que estão causando alergia, pois, esse exame tem a capacidade de encontrar mais de 100 tipos de alimentos que podem estar causando alergia através do sistema imunológico.

Composição do ar que respiramos

O ar atmosférico é composto por vários gases, vapor de água, microorganismo e impurezas, ou seja, poeira e fuligem. Posto isto, entende-se que na atmosfera existem vários gases, por exemplo:

• Gases nobres: hélio, neônio, argônio, criptônio e xenônio.
• Nitrogênio
• Gás carbônico

Veja a seguir, a porcentagem de cada gás na atmosfera:

• Oxigênio: 21%
• Gases nobres: 0,91%
• Nitrogênio: 78%
• Gás Carbônico: 0,03%

Todos são componentes encontrados no ar, sendo que o nitrogênio possui a maior porcentagem. No entanto, o número de vapor d água, microorganismos e impurezas, origina-se de acordo com o clima, a poluição e o vento.

Fique por dentro dos componentes constantes no ar:

Nitrogênio: É considerado o gás com maior porcentagem no ar, além de ser desenvolvido por dois átomos de nitrogênio, a sua fórmula química é N2.

Por mais que os animais e plantas não sejam favorecidos pelo nitrogênio do ar, é possível que seres vivos, como bactérias localizadas nas raízes de plantas leguminosas, por exemplo, no feijão ou na soja, transformem o nitrogênio em sais nitrogenados, ou seja, nitratos.

Veja a seguir, como funciona o ciclo:

• O ciclo se inicia com o gás nitrogênio penetrando no solo.
• Em seguida, as bactérias o absorvem e transforam em nitratos.
• As plantas precisam dos nitratos para produzir proteínas, pois fazem parte do corpo vegetal.
• Os animais herbívoro ingerem estas plantas para obter proteínas.
• Já os animais carnívoros comem os herbívoros para adquirir também as suas proteínas.
• Compreenda que quando um animal falece, ele é decomposto por bactérias e fungos, que voltam ao solo. Depois, são absorvidos por outra planta, dando início a um novo ciclo.

Oxigênio: O oxigênio é essencial para que o organismo respire, sendo assim, cerca de 21% do ar da atmosfera é composto por gás oxigênio. Todo órgão mantém a sua atividade, pois o oxigênio produz energia suficiente para o seu funcionamento.

Entenda mais sobre o oxigênio:

• Seres aeróbicos é o nome dado ao ser vivo que usufrui do gás oxigênio para a respiração.
• Seres anaeróbicos, é o nome dado quando não é feito o uso do gás oxigênio para a respiração ou para queima de alimentos.
• O O2 pode trazer problemas, principalmente quando entra em contato com o ferro (Fe), ocasionando a ferrugem, que acaba com os carros, máquinas, portões, navios, etc. 4Fe +3 O2 →2 Fe2O3

Gás Carbônico: Com a fórmula química CO2, esse gás é fundamental para a existência dos vegetais em relação a fotossíntese, responsável pela produção de glicose e energia. Essa glicose é conservada como amido e pode ser usada na produção de celulose.

Veja a seguir, o que é necessário para a realização da fotossíntese:

• Clorofila
• Luz do Sol
• Água
• Gás carbônico

Entenda mais:

• Quando a luz solar, aproveitada pela clorofila, está presente, o gás carbônico do ar e a água do solo levada pelas raízes é transportado até as folha, logo, se transformam em glicose e gás oxigênio.
• Entenda que a glicose é empregada como fonte de energia ou para fazer outra substância, já o oxigênio é liberado para o meio ambiente.

Gases Nobres: São chamados de nobres, pois não combinam com qualquer substância. Posto isto, confira, os gases nobres e quais são utilizados pelos homens:

• Hélio (He), utilizados para encher balões
• Neônio (Ne), utilizados em letreiros luminosos
• Argônio (Ar), utilizados no interior de lâmpadas
• Criptônio (Kr)
• Xenônio (Xe), utilizados em flashes e máquinas fotográficas
• Radônio (Rn), utilizados em aparelhos para tratamento de câncer

Fique por dentro dos componentes variáveis do ar

Vapor d água:

• Originada pela evaporação da água dos mares, rios e lagos.
• Originada pela respiração dos seres vivos.
• Originada pela transpiração das plantas.
• Originada pela evaporação da água do solo e evaporação da água de dejetos, por exemplo, fezes e urina de animais.

Entenda a seguir, a importância do vapor d água:

• Fundamental para os seres vivos, dado que colabora na formação das nuvens.
• Fundamental em locais com baixa umidade, pois, muitas pessoas apresentam dificuldade na respiração.
• Fundamental, uma vez que o vapor d água umedece a mucosa das vias respiratórias, ou seja, o nariz e a faringe.

Poeira:

• Originada por partículas sólidas que se encontram nos móveis, utensílios domésticos, estradas, telhados, etc.
• É possível enxergar a poeira na atmosfera.

Fumaça:

• A fuligem, apresenta cor escura, é feita por substâncias como chumbo (Pb).
• Pode fazer mal a saúde, pois, pode causar danos ao aparelho respiratório.
• Fumaça com dióxido de enxofre (SO2), monóxido de carbono (CO), dióxido de nitrogênio (NO2) e hidrocarbonetos, geralmente, são produzidos pela fumaça de automóveis, ônibus e caminhões.

Microorganismos:

• Existem muitos microorganismos na atmosfera.
• Podem causar doenças como o tétano, tuberculose e gripe.
• Alguns microorganismos não prejudicam, pelo contrário, favorecem na decomposição de organismos mortos e na fabricação de antibióticos.