DicasFree.com » História » Império Bizantino: Resumo completo e Revolta de Nika

Império Bizantino: Resumo completo e Revolta de Nika

O império Bizantino foi um dos responsável pela formação ocidental e até da oriental moderna, durante esse período as leis romanas foram reiteradas e o cristianismo fortalecido, conheça mais sobre o Império Bizantino no texto a seguir.

     

O Império e Constantinopla

O Império Bizantino se consolidou na cidade de Constantinopla, recebeu esse nome devido ao antigo nome da cidade, Bizâncio, quando o Imperador romano Constantino resolveu mudar a capital do império romano para Bizâncio a primeira ação do imperador foi mudar o nome da cidade para Constantinopla.

A mudança da capital romana foi por vários fatores, mas o mais relevantes que se pode destacar foi a localização privilegiada de Constantinopla que ficava entre o Ocidente e o Oriente, e portante era quase que um centro comercial obrigatório para quem não queria se arriscar nos perigos do mar, ou nos terras dos bárbaros.

Bandeira do Império Bizantino

O Império Bizantino ficou caraterizado principalmente pela consolidadão das leis romanas e do combate as heresias de outras religiões contra o cristianismo, entretanto mesmo tendo como religião oficial o cristianismo a diversidade dentro de Constantinopla era muito grandes, muitos povos se encontravam naquela região, o surgimento de heresias era quase inevitável.

Revolta de Nika

Foi em Constantinopla que também uma das mais conhecidas revoltas populares, a chamada revolta de Nika, na qual a população durante uma corrida de bigas estava insatisfeita com o governo e saio para as ruas em uma grande revolta.

Os Imperadores

Um dos imperadores mais conhecidos no Império Bizantino foi Justiniano, ao qual teve como seu maior feito a reformulação do direito romano, no qual nos inspiramos até hoje, dai o termo, justiça, durante o reinado de Justiniano o investimento sobre agricultura e outros setores de desenvolvimento se elevaram bastante, chegando ao ápice do império bizantino.

Conflitos

Com toda a heresia que havia surgido no império, principalmente por parte do arianos, o governo resolveu toma medidas mais drásticas e destruiu todas as imagens que haviam na cidade, foi nesse mesmo período em que a capital do império romano ocidental e a capital do império oriental entraram em conflito pela igreja católica, provocando a famosa divisão das igrejas entre Romana Católica e Ortodoxa Grega, em 1453 os Turcos Otomanos tomaram a cidade de Constantinopla e assim continuou, hoje conhecida como a cidade de Istambul na Turquia.

Posts relacionados

  • História dos instrumentos musicais brasileiros
  • Quem governou a França durante 1799 e 1815
  • Reforma Protestante resumo
  • Ligações químicas
  • Futsal: Regras, Duração do jogo e resumo
  • Cultura de massa resumo
  • Inconfidencia mineira resumo escolar completo
  • Pacto de Varsóvia resumo escolar completo
  • Revolução Francesa resumo
  • Os dois atores em Império terminam namoro
  • Globalização e regionalização econômica resumo
  • Como é dividida a história geológica da Terra
  • Cabanagem resumo completo
  • Ditadura militar no Chile resumo escolar
  • O que estabelecia o Tratado de Tordesilhas resumo
  • Che Guevara resumo biografia
  • Governo de Getúlio Vargas resumo
  • Quem foi Nietzsche resumo
  • Espartanos e atenas resumo
  • Imigração italiana para o Brasil resumo
  • Republica das oligarquias resumo
  • Batalha de Verdun 1916 resumo e características do combate
  • Conjuração baiana resumo: Onde ocorreu, objetivos, consequências e como terminou
  • Biografia de Manuel Bandeira resumida
  • O Cortiço resumo do livro
  • Povos Fenícios sua civilização e resumo completo
  • NAFTA resumo completo e paises membros
  • Batalha de Stalingrado resumo e sua importância
  • Zumbi dos Palmares história
  • Resumo da construção da usina de Belo Monte

  • Quer comentar ?