Financiar ou consórcio tira dúvidas aqui

Você está precisando comprar um carro novo ou a casa própria? Não sabe qual a melhor opção? Calma, nós podemos lhe ajudar. Antes de mais nada, é preciso conhecer todas as vantagens e desvantagens do consórcio e do financiamento. Outro ponto importante: A escolha do tipo de pagamento depende exclusivamente da sua necessidade.

Apesar do consórcio ser uma opção mais vantajosa, ele pode não suprir suas atuais necessidades, enquanto o financiamento sim. Mas esse lhe traz uma dívida e talvez futuramente até uma dor de cabeça das grandes. Por não adquirir o veículo ou o bem naquele momento, você pode ter trocado “seis por meia dúzia”.

Consórcio, como funciona?

O consórcio é um tipo de condição de pagamento onde são pagas todas as suas parcelas antes de pegar o bem “comprado”. As prestações são pagas mensalmente como no financiamento, tendo em vista a diferença entre adquirir o bem imediatamente ou não.

Para obter de seu uso livre, aquele que fez tal consórcio deve ter uma boa reserva financeira para participar do leilão e dar um lance maior. Em outros casos, é possível também que seja sorteado. Mensalmente existe um plano de sorteio àqueles que fazem parte do consórcio.

Quando a sua visão só alcança esse patamar, então terá certeza de que deve optar pelo financiamento, mas é preciso ter cuidado. Além de “criar uma dívida” altíssima, você também pode pagar bem mais se optar por esse processo, já que as condições de financiamento e as taxas de juros são mais altas.

Financiamento ou consórcio? (Foto: Reprodução)

Financiamento, como funciona?

O financiamento é o tipo de método que visa lhe entregar o bem assim que houver o fechamento de contrato. Tendo isso em vista, ele cobra taxas abusivas. Segundo a última pesquisa relacionada ao assunto as taxas estão 1,77% mais altas desde o mês de Julho do ano de 2012.

O consórcio por sua vez não apresenta essa taxa, mas faz menção de taxas de administração. Ainda assim, podemos contar que são consideravelmente mais baixas do que as taxas estabelecidas no financiamento.

Então, por qual decidir?

Na hora de decidir o método mais interessante para o seu caso, é bom avaliar a necessidade como foi dito acima. Mas em todo caso, se você pode esperar, o recomendado é seguir pelo consórcio. Ele te livra de juros abusivos, deixa suas finanças organizadas e não existe possibilidade de perda do bem.

É interessante também que tenha um montante para dar entrada, vale a pena ter a moeda de troca nesse caso, pois além de quitar boa parte da sua dívida ainda permite que obtenha o bem mais rápido do que era esperado. O sucesso para uma boa compra é sempre o planejamento.

Vá até a loja ou escritório onde deseja efetuar a compra e saiba mais sobre o consórcio e o financiamento. A melhor alternativa é aquela que reduzirá os custos e suprirá suas eventuais necessidades. Opte pelo que melhor lhe aprouver!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.