DicasFree.com » Questões Sociais » Classes sociais brasileiras de acordo com a renda familiar

Classes sociais brasileiras de acordo com a renda familiar

As classes sociais brasileiras, como em todos os lugares, distinguem pessoas menos favorecidas de pessoas com maior poder aquisitivo. Confira como são as classes no Brasil.

     

Uma das heranças provenientes do capitalismo é sem dúvida a pobreza e a distinção de pessoas. O liberalismo econômico que tanto fez crescer os países não resolveu por si só o problema da igualdade em todos os aspectos, inclusive do aspecto social.

Para justificar a igualdade entre todos os seres humanos presentes e participantes do âmbito nacional, põe-se o discurso de que todos tem chances iguais de ascensão social. Hoje sabemos que tal afirmação é uma grande besteira, pois simplifica milhares de processos históricos, como também milhares de situações diferentes entre as mais complexas sociedades em uma frase simplista e falso moralista.

capitalismo nos dias de hoje

A lógica capitalista pressupõe a exploração de uma grande quantidade de pessoas para que a máquina econômica possa funcionar e para que grupos reduzidos possam ser donos da grande maioria do capital e poder aquisitivo. Não há possibilidade de igualdade nesse sistema. Para aliviar esse problema, as políticas públicas do estado empregam leis que garantam bons salários e direitos trabalhistas que garantam o mínimo de dignidade possível.

Porém, países em que a maioria as pessoas vivem relativamente em condições aceitáveis como nos Estados Unidos, a situação só é possível pela exploração de outras pessoas em outros países pelas multinacionais americanas, cuja mão de obra é muito mais barata que em seu próprio país.

Essa distinção entre poder aquisitivo forma o quadro de classe social. Hoje, dividimos simplesmente analisando a renda mensal ou anual dos indivíduos. Segue abaixo, uma relação as classes sociais brasileiras.

Classes sociais brasileiras de acordo com a renda familiar de 4 pessoas:

Classe A1 R$ 38.933,88 – 1% da população brasileira.

Classe A2 R$ 26.254,92 – 4% da população brasileira.

Classe B1 R$ 13.917,44 – 9% da população brasileira.

Classe B2 R$ 8.050,68 – 15% da população brasileira.

Classe C1 R$ 4.778,12 – 21% da população brasileira.

Classe C2 R$ 2.905,04 – 22% da população brasileira.

Classe D R$ 1.939,88  – 25% da população brasileira.

Classe E R$ 1.106,80 – 3% da população brasileira.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?