Como Minerar Ripple XRP [7 Passos para Minerar XRP o Guia definitivo]

Não é novidade pra ninguém que as Criptomoedas como Bitcoin, Ethereum, Bytecoin e Ripple estão fortalecidas no mercado e no mundo.

Para se ter as criptomoedas é necessário que você compre as moedas ou minere elas, ai que vem o motivo do nosso post de hoje.

Oficialmente não é possível minerar a  Ripple, entretanto existe uma forma única para minerar Ripple, para quem não quer comprar Ripple e sim minerar Ripple de forma gratuita!

A Rippe só é possível ser minerada de uma única forma, vamos lá, veja o passo a passo para minerar:

Passo a passo para Minerar Ripple:

Ha única forma para minerar é utilizando a Eobot, ela converte sua força de mineração para a moeda que você quiser.

Passo 1

O primeiro passo é entrar no site Eobot e se cadastrar, clicando onde mostramos a seta 1!

 

Passo 2

Preencha todos os campo e confirme seu cadastro entrando no email que você utilizou para realizar o cadastro.

 

Passo 3

Com seu cadastro já realizado e logado dentro do Eobot com seu usuário, escolha a opção BCN como mostrado na seta 2 e depois vá em Faucet como mostrado na seta 3:

 

Passo 4

Dentro do Faucet você vai responder uma pergunta ou confirmar o que está escrito na tela. Com isso você será recompensado com algumas criptomoedas que poderá trocar por poder de mineração escolhendo qual moeda quer minerar.

Agora que você tem algumas moedas BCN, você poderá trocar por poder de mineração e obter as Ripple.

OBS: Não marque a Ripple no campo 3 onde está demostrado pela seta 2, pis obtendo as BCN e trocando por mineração você poderá obter mais Ripple!

Veja como trocar seus BCN por poder de mineração na nuvem no passo 5.

Passo 5

Para realizar a troca dos BCN para o poder de mineração, você deverá estar logado com seu usuário dentro do Eobot e rolar ate os ícones e clicar no icone Exchange como demostrado pela seta 4: 

Agora escolha qual moeda você quer trocar pelo poder de mineração.

No caso do nosso exemplo, vamos trocar BCN por 5 anos de mineração. Onde a seta 5 mostra a moeda que você tem e a seta 6,  mostra o que você vai receber na troca.  Lembre-se de escolher sempre a opção  Cloud SHA-256 4.0 5 Year Rental como marcado na seta 6.

Por fim, clique no botão Buy Cloud SHA-256 4.0 5 Year Rental (seta 7) para realizar a troca já estamos quase minerando Ripple :-D.

Passo 6

Para iniciar a mineração do Ripple você deve mudar de BCN para XRP como demostrado pela seta 8!

 

Pronto você está minerando Ripple agora! 

Economia do ouro no Brasil

Quando o Brasil mantinha-se colônia, propriamente no fim do século XVII, o país sofreu uma queda da produção açúcar, entrando posteriormente em uma séria crise devido o enorme desempenho dos engenhos nas outras colônias – francesas, holandesas e inglesas da América Central. Por causa dessa má fase, os governantes da Coroa estimularam seus funcionários e outros habitantes, a explorar as terras ainda desconhecidas em busca de pedras preciosas e de ouro, mas isso era uma forma de manter a cobrança dos impostos já determinados.

Ciclo do ouro Brasil

Sendo assim, iniciou-se a história de extração e exportação do ouro no Brasil que acabou dominando de forma dinâmica econômica da colônia. Porém os primeiros exploradores que procuraram ouro nas excursões pioneiras do litoral e interior do país não conseguiram muitos resultados. A grande descoberta se deu nas lavras de ouro nas Minas Gerais, nos finais do extração e exportação e início do século XVIII, logo seguiam para Jacobina e no Rio das Contas na Bahia onde também haviam muitos achados, as grandes extrações no sertão de Guaiás em Goiás e em Forquilha e Sutil no estado do Mato Grosso.

A mineração alavancou a economia do Brasil, trazendo prosperidade e riquezas a diversas famílias. Além disso provocou uma mudança de eixo social da colônia sendo no litoral se deslocando para o interior e motivou a importante mudança da capital Salvador para o estado do Rio de Janeiro, mesmo porque a região tinha maior acesso às regiões mineradoras.

Como já existia cobrança de impostos, com a descoberta de ouro e haviam grande extração do minério, a Coroa impusera o imposto do Quinto logo no início das explorações, onde fazia a exigência de que um quinto de tudo que fosse extraído seria seu por direito. Ainda completou a carga tributária agregando mais impostos o que resultou em fortes insatisfações, uma das principais foi a “Inconfidência Mineira.”

Extração de ouro

Outro impasse era “a derrama”, somente a Capitania de Minas Gerais era determinado o envio de 1500kg de ouro para Portugal por ano, do contrário, poderia sofrer uma derrama, o que significava ser acometido por um rateio na diferença entre as comarcas, ou seja, podia acontecer de homens bons serem retirados à força através do confisco dos bens.

O ciclo do ouro durou até o fim do século XVIII, quando as regiões exploradas já tinham suas minas quase esgotadas. Propriamente no período em que se encontra o ano de 1785, época esta em que ocorreu a importante a Revolução Industrial, na Inglaterra.

Esse declínio ocorreu porque à medida que os depósitos aluvionais se esgotavam, era necessário passar para a exploração das rochas matrizes que eram muito mais duras e necessitava de uma tecnologia adequada para extraí-las. Como não houve aperfeiçoamento, e a Coroa só se importava com o imposto, a atividade entrou em decadência selando o destino das minas brasileiras.