DicasFree.com » Biologia » Síntese das Proteínas

Síntese das Proteínas

A síntese proteica é um dos processos mais complexos ocorridos em nível celular. Aprenda como ela acontece aqui no Dicas Free.

     

A Síntese de proteínas ou simplesmente Síntese Proteica, é uma operação desencadeada nas células e é de essencial importância para o corpo vivo. Apesar de ser um processo rápido, a síntese proteica é densa e complexa. Considere inicialmente que todo esse processo acontece dentro das organelas ribossômicas encontradas livremente pelo citoplasma ou no retículo plasmático rugoso.

Esquema da síntese proteica

Esquema da síntese proteica

Etapa da Transcrição

As informações necessárias para a produção da síntese proteica estão contidas em uma parte do DNA denominada de Códon. Essa mensagem então, é levada pelo RNA mensageiro (RNAm). Para que isso aconteça nesse sentido, a adenina do DNA se pareia com a uracila do RNA, como também a timina do DNA se pareia com a Adenina do RNA e a citosina do DNA com a guanina do RNA, isso em escala sucessiva com a ação enzimática do RNA polimerase. Admitindo que 3 bases nitrogenadas no RNAm formem o códon com a mensagem proteica, o RNAm então é enviado do núcleo passando pelas organelas ribossômicas até penetrar nos poros da membrana plasmática.

Etapa da Ativação de Aminoácidos

A ação enzimática de várias enzimas permite com que o RNA transportador (RNAt) ative os aminoácidos dispersos pelo citoplasma – provenientes da digestão celular – formando um anticódon de 3 bases nitrogenadas.

Etapa da Tradução

Nessa etapa, os ribossomos podem decodificar o RNAm para que as ligações dos aminoácidos sejam feitas pelas ações enzimáticas e unindo as moléculas de RNAt, que retorna ao citoplasma e provoca a união peptídica entre outros aminoácidos. O processo termina quando o ribossomo passa pelo último códon de terminação e não há mais material para sequenciar. Desse modo, ele se solta do RNAm e a proteína está feita.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?