DicasFree.com » Doença » Epilepsia passa de pai para filho?

Epilepsia passa de pai para filho?

Descubra através deste artigo as chances do desenvolvimento da Epilepsia em pacientes que tem pais com a doença. Os percentuais são consideráveis, confira aqui e saiba mais.

     

Epilepsia

A epilepsia é um transtorno neurológico que apresenta alteração no comportamento de uma pessoa em crise. As crises são completamente temporárias, mas maltratam o corpo daquele que a possui, fazendo com que seu cérebro não funcione de maneira adequada e coerente com a realidade.

Há várias causas desencadeadoras da doença, bem como altos índices de temperaturas corporais, no caso de febres ou o consumo  excessivo de drogas, além de outras doenças. A epilepsia pode ser transmitida de pai para filho, sim! Contudo, é necessário que um médico acompanhe de fato o caso.

» De pai para filho

A epilepsia é uma doença que pode ser transmitida de pais para filhos, as chances são de 50% em cada caso

Epilepsia (Foto: Reprodução)

Em diferentes parâmetros da doença, ela pode ter causa sob influências genéticas e familiares. As chances de uma criança que possui pai epilético de desenvolver a doença é de 50%. Em casos onde a mesma está agravada, é possível que seja incontrolável as reações, principalmente pela falta de medicamentos ou tratamento incoerente.

Os sintomas também agem de acordo com as condições em que o paciente se encontra, as alucinações podem decorrer desde os cinco anos. Crianças que tem pais epiléticos tendem a desenvolver a epilepsia até essa faixa etária e não cessarem os ataques epiléticos até que entrem numa determinada fase ou possuam tratamento adequado.

Malformações do sistema nervoso, também proporciona problemas relacionados a doença e outras de cunhos neurológicos. A melhor maneira de lidar com o problema é através de médicos especializados no assunto e apoio total da família. A paciência nesses casos também é altamente indispensável.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?