DicasFree.com » Sem categoria » Alimentação pos pato operatório

Alimentação pos pato operatório

Durante a gravidez, as mulheres redobram o cuidado com a saúde para que não haja problemas com o desenvolvimento do bebê. Entretanto, muitas não sabem que esta atenção deve continuar mesmo depois do parto. Como o ganho de peso na gestação acaba sendo inevitável, algumas mamães adotam dietas radicais logo após o nascimento da criança. […]

     

Durante a gravidez, as mulheres redobram o cuidado com a saúde para que não haja problemas com o desenvolvimento do bebê. Entretanto, muitas não sabem que esta atenção deve continuar mesmo depois do parto.
Como o ganho de peso na gestação acaba sendo inevitável, algumas mamães adotam dietas radicais logo após o nascimento da criança. Elas se esquecem que, durante os próximos meses, terão que amamentar e que o recém nascido precisa de um leite rico em nutrientes.
Para alguns especialistas, o cardápio diário não pode ter menos do que 1.500 calorias. Isso não quer dizer que você deve comer tudo o que vê pela frente. Se alimente de três em três horas e não abra mão de suas refeições principais (café da manha, almoço e jantar). Além disso, seu prato deve ser bem variado, com legumes, verduras, carne, grãos, etc.
Mesmo com o fim do desmame, não é indicado fazer restrições alimentares, ainda porque o seu organismo vai levar algo em torno de um ano para “voltar ao normal”. Lembre-se de que seu corpo passou por várias transformações ao longo da gravidez e que o retorno a boa forma deve acontece de forma natural.
Para que você não erre na escolha dos alimentos, vamos passar um pequeno cardápio com o que cada refeição pode trazer. Ele serve tanto para quem está amamentando quanto para as mamães que já passaram por esta fase.
Café da manhã – sucos, duas fatias de pão integral, queijo, frutas (melão, abacaxi, mamão, banana, melancia), iogurte, chá de ervas, etc.
Lanche da manhã – chá de ervas, frutas com linhaça, uma fatia de bolo ou biscoitos integrais.
Almoço – um prato de só com verdura e legumes (agrião, alface, tomate, cenoura, rúcula, espinafre), arroz integral, duas conchas médias de feijão, carne branca ou vermelha, e legumes refogado.
Lanche da tare – pão integral, suco sem açúcar, barra de cereais, frutas, uma xícara de café com leite desnatado, etc.
Jantar – sopa de legumes, carne branca ou vermelha, salada com folhas escuras, arroz integral e legumes.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?