DicasFree.com » Plantas » Pragas do tomate

Pragas do tomate

As principais impedimentos de uma plantação de tomates são as pragas e doenças que as acomete, danificando frutos e caules, que precisarão ser replantados com a ajuda de inseticidas.

     

O tomate é um fruto, contrário da concepção de legume, que muitas pessoas acreditam que seja, é originário da América do Sul. Sendo muito consumida pela população em saladas e sucos, sanduíches e diversas outras receitas. O tomate possui vitamina A, C e complexo B, e por possuir baixo valor calórico é muito recomendado pelos nutricionistas. Além disso, suas propriedades são consideradas agente anticancerígeno, pois são extremamente ricas em licopeno.

Com exceção dos nutrientes, o fruto do tomateiro tem aproximadamente 93 a 95% de água em sua composição, e no restante há ácidos orgânicos, compostos inorgânicos, açúcares, sólidos insolúveis em álcool e outros.

No Brasil, o cultivo do tomate como fonte econômica acontece com maior quantidade nas regiões Centro-Oeste e Sudeste, mais propriamente em Goiás, Minas Gerais e São Paulo. De toda a produção de tomate, cerca de 77% é consumida in natura, o excedente ainda passa por um processamento em que se adquire o extrato.

Mesmo sendo possível cultivar o tomate no decorrer do ano inteiro, isso se o clima for ameno, o seu plantio requer alguns cuidados, pois o fruto é muito sensível a doenças e pragas. As principais pragas são as seguintes:

Traça-do-tomateiro

As larvas chegam a eclodir cerca de três a cinco dias após serem colocados.

São pequenas mariposas de cor cinza ou marrom, que se instalam nas folhas do tomateiro, as consumindo e prejudicando a qualidade do fruto. Pode ocorrer durante todo o ano, mais intensamente nos períodos de seca. A irrigação por aspersão ajuda a eliminar as larvas e os ovos.

Mosca branca

A fêmea coloca de 100 a 300 ovos durante a sua vida.

Possuem cerca de 1 a 2 mm, com coloração amarelo pálido. Agem através do vírus que possuem infectando todas as plantas quando ainda são apenas mudas, causando a paralisação de seu crescimento.

Ácaros 

O ácaro-do-bronzeamento é disseminado pelo vento.

Essa praga acomete o caule do tomateiro e em seguida o destrói o totalmente, causando um bronzeamento característico, que provoca um secamento em toda a planta . Em algumas regiões o uso de enxofre anulam a ação do ácaro.

Lagarta-rosca 

De forma indireta é feito o controle das lagartas-rosca, eliminando as plantas daninhas.

São larva que surgem no florescimento do fruto, assim o perfuram e comprometem a sua polpa ao se alimentar dela, deixam o tomate repleto de galerias e orifícios.

Burrinho

O burrinho consome todo o tomateiro, deixando apenas o fruto.

Besouro preto que em raras vezes acomete o tomateiro. Mas, possui grande capacidade em consumir as folhas da planta, pois sua maior característica é migrar em bando, chegando ao número de 4000 besouros.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?