Copa do mundo 2018

Em 2018, ocorrerá a vigésima primeira edição da Copa. O país eleito dessa vez foi a Rússia. Um cálculo feito pelo país, conta que será gasto em torno de 44 bilhões de dólares. Todos os estádios serão reformados e alguns ampliados até 2018. Cerca de 293 instalações, 113 centros de treinamento, 12 estádios, 62 hotéis e 11 aeroportos serão na totalidade para atender a todos os turistas.

Copa do Mundo 

Copa do mundo na Rússia

A Copa do mundo já virou uma tradição em todo o mundo, diversos países sempre estão em disputa para sediar as edições. Em 2018, a Rússia, Bélgica, Portugal e a Inglaterra se enfrentaram na disputa para sediar a Copa. Normalmente, os países fazem questão, por motivos econômicos, uma copa do mundo acarreta para o país bilhões e bilhões de dólares.
Ainda não foi divulgada nenhuma informação adicional em relação a preços de ingressos ou quando começam as vendas.  É a primeira vez que a Rússia consegue sediar uma Copa do Mundo, depois de 10 tentativas.
O que se pode notar em primeira mão, é que os russos estão bastante felizes e orgulhosos de si mesmos depois desta conquista. Em uma reportagem, o atual presidente Vladimir Putin, diz estar muito satisfeito com os rumos que o país está tomando e garantiu que os russos irão surpreender o mundo em 2018.

A Copa do mundo 2018

Como sabemos, a copa do mundo de 2014 será agraciada com as gloriosas terras brasileiras na América do Sul, tendo como país sede também o país que mais possui títulos mundiais nesse evento. Ao todo, o Brasil possui cinco títulos da copa do mundo e já sediou uma vez esse evento.

O sorteio dos países sede para o campeonato mundial de futebol de 2018 também já foi realizado no dia 2 de dezembro de 2010 e o país que sediará a vigésima primeira edição do evento de maior importância no futebol será a Rússia, que desde 1980 não sedia nenhum evento esportiva de importância mundial.

Logo da Copa de 2018

Copa do Mundo na Rússia

A indicação da Rússia como país sede se deu devido ao aumento do interesse popular pelo futebol no país durante os últimos anos. Os investimentos e incentivos governamentais em esportes também contribuiu para esse aumento na procura pelo futebol.

Estima-se que serão investidos cerca de 6 bilhões de euros para a construção dos estágios e demais infraestruturas até agora pensadas e contabilizadas. A Rússia é também o primeiro país do Leste Europeu a receber um evento de tamanha magnitude.

O evento também é uma ótima oportunidade de anunciar a ascensão econômica da Rússia desde a dissolução da União Soviética em 1991. O país concorreu a com a Inglaterra e os países em conjunto de Portugal e Espanha e Holanda e Bélgica. Ao todo, serão construídos cerca de 11 estádios nas principais cidades russas e o governo terá apoio da iniciativa privada no país.