DicasFree.com » Dinheiro » Tesouro nacional ou poupança

Tesouro nacional ou poupança

Duas opções para se obter rentabilidade estão dispostos para população, cabe cada pessoa identificar qual será melhor para os seus objetivos, seja investir no Tesouro direto, ou mesmo na caderneta de poupança.

     

Especialistas em economia afirmam que é mais lucrativo aplicar no Tesouro Direto, do que na popular caderneta de poupança, que aliás possui aproximadamente 100 milhões de contas no Brasil. A poupança atrai maior número de pessoas por causa da simplicidade do seu processo, o rendimento mensal não sofre interferência do imposto de renda e não necessita de renovação da aplicação, basta mantê-lo, dessa forma a porção aplicada tende a crescer se não for realizado saque.

A representativa lucratividade do Tesouro Direto só acontece se as aplicações forem mantidas por mais de um ano.

Já no Tesouro Direto, existe um sistema mais complexo, primeiramente por que existem mais de 20 opções de títulos para se fazer um investimento, todos com data de vencimento distintas, formas de remuneração, juros e etc. Apesar do imposto de renda (IR) e dos custos de custódia e corretagem reduzirem a rentabilidade da aplicação, o investimento ainda consegue obter mais lucros do que a conta poupança.

As opções de títulos públicos variam entre:

  • Prefixados: 
  • LTN – Letras do Tesouro Nacional
  • NTN-F – Notas do Tesouro Nacional série F
  • Pós-fixados:
  • LFT – Letras Financeiras do Tesouro
  • NTN-B – Notas do Tesouro Nacional – série B
  • NTN-B Principal – Notas do Tesouro Nacional – série B Principal
  • NTN-C – Notas do Tesouro Nacional – série C

Para iniciar o investimento é necessário abrir conta em uma corretora, onde terá que dispor de diversas informações, além de fornecer toda a documentação exigida, sendo assim, passa a adquirir os títulos. Há três opções para realizar a compra e venda de títulos:

  • Diretamente no site do Tesouro Direto;
  • Por meio de um agente de Custódia;
  • Diretamente no site do agente de Custódia.

Os títulos do Tesouro Nacional podem ser acessadas através do site do Ministério da Fazenda - http://www.tesouro.fazenda.gov.br/tesouro_direto/index.asp

Pode ser feito o investimento com cerca de R$ 100,00, na primeira aplicação, até mesmo sem precisar sair de casa, pois as transações podem ser feitas pela Internet. Os investimentos são gerenciados pelo próprio aplicador, que ainda pode escolher entre as opções de investimentos a curto, médio ou longo prazo. Ideal para quem quer e necessita fazer investimento com baixo custo, liquidez quase imediata e alta rentabilidade.

Curiosidade: O Tesouro Direto é um programa de venda de títulos públicos para pessoas físicas destinados a captação de recursos para custear a dívida pública, além de financiar as atividades do Governo Federal.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?