DicasFree.com » Química » Qual a molaridade de uma solução

Qual a molaridade de uma solução

A molaridade das soluções é uma forma mais simples de calcular a quantidade substancial dos elementos na química. Entenda mais sobre o assunto clicando no post.

     

Na ciência, vários métodos e sistemas são adotados para facilitar o trabalho dos cientistas em cada área do saber. Principalmente pela quantidade de línguas e pela internacionalidade científica, o Sistema Internacional permite que diferentes pessoas possam utilizar os métodos com os mesmos sistemas de medidas.

Concentração molar - soluto da solução

Concentração molar – soluto da solução

Na química, uma das medidas mais importantes e utilizadas é o Mol\l. Podemos atribuir ao Mol a quantidade atômica de alguma substância que no caso, encontra-se como soluto em alguma solução mensurada em Litros. Como a quantidade atômica envolve números extensos, a Constante de Avogadro determina que 1 Mol = 6,02 x 10²³.

Calculando a Molaridade

Para fazer esse cálculo, é necessário a utilização de uma tabela periódica para verificar a quantidade de massa de cada elemento químico utilizado na equação.

Suponhamos que queiramos saber a concentração molar de 28 g cloreto de cálcio (CaCl2) no volume de o,500 L. Para isso, precisamos verificar a massa do cálcio (Ca) e do cloro (Cl2) na equação. Indo a tabela periódica, podemos verificar que Ca = 40,1Cl = 35,5. Como o cloro está sendo multiplicado por 2 na equação, antes da soma será necessário multiplicar sua massa também por 2. Sendo assim, a massa de Ca + Cl2 = 111,1.

Após isso, basta aplicar a regra de 3, onde nesse caso, 1 mol será igual 111,1 g de CaCl2 e número de mol será igual as 28g do cloreto de cálcio. Feito isso, o número de mols de 28g de CaCl2 será igual a 0,252M.

Como a concentração molar é Mol\L, então devemos dividir o valor do Mol encontrado pela volume em litros na equação. Logo, teremos 0,252M/o,500L, ou seja, 0,504 Mol\L.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?