DicasFree.com » Animais » Quais são os animais que estão em extinção

Quais são os animais que estão em extinção

Lista dos animas em extinção e suas características. Atualmente no Brasil, vários animais entraram em extinção devido a caça e o tráfico de animais.

     

O convívio entre homem e natureza nunca foi tão agressivo como nos últimos tempos. Por diversos motivos, como a caça indiscriminada, comércio de peles, carne ou tráfico ilegal de animais, o homem tem feito com que espécies simplesmente desapareçam do mundo.

O desaparecimento de uma espécia causa grande desequilíbrio na  dinâmica natural, que a primeiro momento pode parecer pouco, mas as diferenças surgem em larga escala com o tempo.

No Brasil, algumas espécies já foram extintas do meio natural, sobrando apenas alguns indivíduos vivendo em cativeiro. Existem projetos e ONGs que se empenham em reproduzir esses animais para que num futuro próximo, possam repovoar seus habitats novamente.

Os mais conhecidos são o Cervo-do-pantanal, Mono-carvoeiro, Ararinha-azul, Mico-leão-dourado, Onça-pintada, Pica-pau-de-cara-amarela, Mutum-do-nordeste e a Tartaruga-de-couro.

Cervo-do-pantanal – Nome científico: Blastocerus dichotomus: É um animal mamífero da família dos Cervídeos. Alimenta-se de algumas espécies vegetais e é encontrado nas regões pantanais alagadas do Brasil, Paraguai, Uruguai e Argentina.

 Mono-carvoeiro – Nome científico: Brachyteles arachnoides: É um mamífero primata, caracterizados como o maior primata das américas e o maior do Brasil. Seu habitat é principalmente  florestas úmidas e tropicais e regiões montanhosas. Alimenta-se de frutas, nozes, pequenos insetos e pequenos ovos de aves.

 Ararinha-azul – Nome científico: Cyanopsitta spixii: É uma ave média, de cor azul claro e variações escuras ao longo do corpo e pertence a família Psittacidae endêmica. Geralmente encontrada em matas de galeria, no Brasil, ao Sul do Rio São Francisco no estado da Bahia. Alimenta-se de flores, sementes e frutos.

Mico-leão-dourado – Nome científico: Leontopithecus rosalia: É um pequeno primata endêmico da família Cebidae e só pode ser encontrado na Mata Atlântica brasileira. Alimenta-se de frutos e pequenos insetos com hábitos diurnos.

Onça-pintada – Nome científico: Panthera onca: É o maior felino da América e o terceiro maior do mundo. É um animal carnívoro da família Felidae e costuma caçar grandes mamíferos e alguns répteis. Pode ser encontrada em quase todos os estados do Brasil, porém em menor número.

Pica-pau-de-cara-amarela – Nome científico: Dryocopus galeatus: É uma pequena ave da família Picidae que no Brasil habitava a região sul em regiões serranas. Alimenta-se de sementes e pequenos insetos.

Mutum-do-nordeste – Nome científico: Pauxi mitu: Pequena ave só encontrada na mata atlântica brasileira na região nordeste da família Cracidae. Alimenta-se de pequenos frutos, folhas, vegetais e insetos. Essa ave só pode ser encontrada em cativeiro.

Tartaruga-de-couro – Nome científico: Dermochelys coriacea: É a maior espécie de tartaruga marinha do mundo, da família originalmente da família Dermochelyidae. Habita principalmente as costas tropicais, inclusive as brasileiras, e alimenta-se de pequenos peixes, moluscos e algas marinhas. Esse animal pode alcançar aos 300 anos de idade.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?