DicasFree.com » Doença » Proteína urina

Proteína urina

Entenda o que é proteína urina, quanto tem, como tratar e muito mais. Informações precisas sobre o assunto só aqui no Dicas Free.

     

Proteína urina

A proteína urina ou também conhecida como proteinúria, é uma espécie de perda excessiva de proteína pela urina. Em especial, teremos a proteína albumina, que tem sua fabricação feita no fígado e está presente no plasma sanguíneo. Encontrada principalmente em alimentos como:

  • Carnes
  • Ovos
  • Leites e seus derivados

A taxa sanguínea em seu estado normal geralmente está calculada em 3,5 a 4,5 g/dl. Sua importância é extrema considerando a manutenção da circulação normal dos líquidos dentro desses mesmos vasos. Além disso, ela conserva o estado de nutrição corporal.

Esse tipo de problema é muito comum em doenças de cunho renal, em seu estado discreto ela chega a perder muito pouco da proteína através da urina, já em estados mais graves há perdas mais intensas. Não é  considerado estado de risco quando a perda de urina está em 3,5 ml, passando disso, é fator alarmante.

Etiologias da proteinúria:

  • Origem glomerular
  • Origem tubular
  • Proteínas secretadas pela parede do trato urinário
  • Superprodução de proteínas de baixo peso molecular

Proteína (Foto: Reprodução)

É interessante dizer que esse tipo de problema não causa sintomas, mas é possível que você perceba devido a problemas relacionados a doenças renais, ela simboliza um estado de lesão renal que faz com que haja maiores chances do desenvolvimento da muito popular insuficiência renal.

Quando ocorre as primeiras suspeitas, o próprio médico denotará o pedido de alguns exames que façam a comprovação do problema. Em espécie, existem dois tipos distintos de comprovação quando chega nessa fase, sendo eles:

  • Persistente
  • Funcional

Uma proteinúria persistente é associada a patologia renal subjacente. Enquanto a proteinúria funcional pode estar categorizada como transitória ou ortostática. A identificação da proteinúria é feita através da eletroforese.

Para que seja tratado e solucionado o problema, é necessário que o paciente faça um tratamento adequado. Sendo esse a reposição do valor proteico. Também é importante descobrir a causa do problema para que então a cura seja permanente.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?