DicasFree.com » Mulher » O que é corrimento

O que é corrimento

Muitas mulheres tem dúvidas quanto aos corrimentos que geralmente podem acontecer. Clique no post e saiba o que são corrimentos.

     

Apesar da grande abrangência de conteúdos educacionais que expressam informações referentes ao sistema sexual do ser humano, ainda há uma carência em como passar esses conteúdos de forma mais completa e eficaz.

Porém, quem teve essa carência em seus estudos pode recorrer as ferramentas de buscas que disponibilizam ótimos conteúdos e de graça, como aqui no Dicas Free.

O que são corrimentos?

Os corrimentos vaginais são comuns na maioria dos casos e podem inofensivos ou sinais de que algo está errado. Corrimentos são as secreções e fluídos oriundos da vagina ou do colo do útero.

Corrimentos anormais geralmente causam dores

Corrimentos anormais geralmente causam dores

São chamados de corrimentos fisiológicos aqueles que são considerados corrimentos vaginais normais na mulher. Esses corrimentos são uma espécie de secreção da flora bacteriana vaginal e servem para manter a vagina limpa e com o nível de acidez normal.

O aspecto desse corrimento é fino, de coloração branca ou transparente com aspecto leitoso, não contendo cheiro forte ou ruim, e não trazendo consigo irritação, coceira, ardência e dor.

Corrimentos prejudiciais

Qualquer corrimento que se diferencie do citado acima, pode ter um agente causador diferente e prejudicial. São chamados de leucorreia e geralmente são meios do corpo “dizer” que tem algo errado.

As causas para esses corrimentos são várias, desde um simples vaginite – infecção vaginal causado por fungos – até uma doença sexualmente transmissível.

Os aspectos podem ser finos, grossos, brancos, verdes, marrons, amarelos, pretos, e trazendo consigo sintomas como irritações, ardência, dor, mau cheiro, coceira, entre outros.

O que fazer?

Após identificar que o corrimento não é o corrimento fisiológico, vale a pena dar uma pesquisada pra ao menos saber do que pode se tratar a ocorrência.

Porém, não é aconselhável usar tratamentos caseiros para isso. Deve-se procurar um médico que lhe indicará os procedimentos e medicamentos necessários ao problema.

Dependendo do fator causador, quanto mais cedo for tratado, mais chances terá de estabilizar a situação e melhorar o quadro. portanto, visite um médico e cuide-se sempre.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?