DicasFree.com » Saúde » Métodos anticoncepcionais naturais e artificiais

Métodos anticoncepcionais naturais e artificiais

Os métodos naturais e artificiais possuem diferenças nítidas, principalmente no quesito segurança. Para entender melhor sobre os dois e optar pelo qual se adéqua melhor a você, confira na matéria aqui.

     

Métodos anticoncepcionais naturais e artificiais

Os métodos anticoncepcionais são meios de proteção durante uma relação sexual. Existem hoje, milhares de formas possíveis para melhor atender o público de todas as classes sociais e faixa etária. Contudo, há  métodos mais eficazes e seguros que outros. Como no caso dos métodos artificiais.

A diferença, é que os naturais não custam nada e podem ser feitos a qualquer momento. Bem como o coito corrompido ou o uso da tabelinha. Embora exista essa vantagem, as chances de não gravidez ou transmissão de doenças são elevadas. Por isso, as indicações médicas sempre são artificiais.

Vamos conhecer, através deste artigo, a eficácia de ambos e ainda saber como são classificados. Seja como for o seu, procure ter orientações médicas e saber exatamente como está funcionando o seu corpo, faça consultas periódicas ao seu ginecologista.

Métodos naturais

O preservativo é o método anticoncepcional mais comum nos dias atuais

Preservativo (Foto: Reprodução)

Os métodos naturais são aqueles utilizados gratuitamente. Esses não possuem a total segurança que podemos depositar nos métodos artificiais. O coito corrompido e a tabelinha, apesar de serem funcionais, não te protegem contra doenças sexualmente transmissíveis.

No caso do coito corrompido, o que acontece é a retirada do órgão genital masculino próximo a ejaculação. Contudo, antes disso, o órgão libera um líquido lubrificante também tem o “poder” de proporcionar uma gravidez. Por isso, é extremamente arriscado e nada indicado pelos médicos. Bem como a tabelinha, que deve ser contada corretamente e não pode ser feita por mulheres que possuem ciclo menstrual desregulado.

Métodos artificiais

Já para os métodos artificiais, há muitas maneiras de evitar completamente as doenças e a gravidez. Esses são: diafragma, camisinha, vasectomia, pílula anticoncepcional (que não protege contra doenças) e a camisinha feminina. Existem também os medicamentos anticoncepcionais injetados.

Esses proporcionam a você cerca de até 95% de segurança, impedindo gravidez e (alguns métodos) a prevenção contra doenças DST’s. Geralmente são os mais indicados por médicos á mulheres que possuem múltiplos parceiros e não desejam contrair doenças ou engravidar.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?