DicasFree.com » Animais » Lista de animais em extinção no Brasil

Lista de animais em extinção no Brasil

Conheça neste artigo as principais espécies de animais em extinção no Brasil. Mais informações sobre estes animais você acompanha aqui no DicasFree.

     

O processo de colonização do Brasil pelos portugueses ergueu nossa nação em meio a terras desconhecidas, perigosas e muitas vezes inesperadas. A civilização brasileira, desde seus primórdios, estabeleceu sua ocupação no território no eterno confronto contra a natureza que hora devastava, hora apenas atrapalhava os planos de plantios e construções.

Com o crescimento econômico do país, as demandas exportadoras e a urbanização da população, mais e mais o homem foi desmatando, ora para construir cidades e assentar plantações, ora pra colher da mata aquilo que agregava valor, como madeira, água, metais preciosos, e até mesmo animais. O crescimento da industria nacional  também contribuiu para uma série de fatores que afetaram de fato a fauna do país.

O desenvolvimento que passamos e ainda estamos passando é amplamente necessário para a melhoria de vida dos brasileiros e para a construção de um país cada vez melhor. Porém, algumas medidas podem ser tomadas para evitar maiores danos as áreas verdes que sobraram no país.

Pensando nesses tantos fatores, o DicasFree separou uma pequena lista com os animais em perigo de extinção no Brasil, evidenciando seus potenciais motivos para conscientizar a população e informar sobre o assunto.

Arara Azul

Iniciamos a lista com um dos animais mais conhecidos do Brasil. A Arara Azul teria muito potencial para ser símbolo oficial do país, se não fosse o seu desaparecimento em seus habitats.

Arara Azul (Foto:Reprodução)

Antes, era facilmente encontrada pelos céus do norte e da mata alântica, hoje a Arara Azul corre risco de extinção. Os principais fatores foram não só os desmatamentos para o plantio ou processos urbanizadores, mas também a caça predatória. Com um alto valor internacional de sua plumagem, o tráfico ilegal dessa espécie vem crescendo consideravelmente.

Ariranha

Ariranha (Foto: Reprodução)

A Ariranha, também conhecida como lontra em algumas regiões, também enfrenta uma grande baixa em sua população no decorrer dos anos. Um dos principais responsáveis é sem dúvida a poluição dos rios provocada pelo descarte de resíduos industriais, principalmente os que contém mercúrio. A caça predatória também assume parte nesse sentido.

Cervo do pantanal

Cervo do Pantanal (Foto: Reprodução)

Esse é considerado o maior cervídeo da América do Sul e pode ser encontrado tanto no pantal, como na região amazônica e no cerrado brasileiro. Os principais responsáveis pelo perigo de extinção dessa espécia são os desmatamentos e a caça predatória do animal.

Macaco-Aranha

Macaco-aranha (Foto: Reprodução)

Essa espécie de macaco pode ser encontrada do Estado do Pará e Mato Grosso e é caracterizada pelos longos braços e pernas, assemelhando-se a uma aranha. Atualmente encontra-se em perigo vulnerável de extinção. Além do desmatamento, o animal é vítima do tráfico ilegal de animais.

Lobo-Guará

Lobo-Guará (Foto: Reprodução)

Nativo da região do Cerrado, dos Pampas gaúchos e no pantanal, o Lobo Guará é o maior canídeo mamífero da América do Sul e encontra-se na lista de perigo de extinção principalmente devido ao desmatamento de seu habitat para fins agrícolas.

Onça Pintada

Onça pintada (Foto: Reprodução)

Esse enorme animal (considerado o maior felino das Américas) pode ser encontrado no Pantanal, na região amazônica e Cerrado brasileiro. A Onça Pintada é vítima principalmente da caça predatória de fazendeiros que desejam proteger o seu rebanho, naturalmente presas fáceis para o animal. A espécie também enfrenta a caça com o objetivo da retirada da pele, tendo em vista que possui altíssimo valor internacional para confecção de roupas e acessórios vestíveis.

Tamanduá Bandeira

Tamanduá Bandeira (Foto: Reprodução)

Esse tamanduá se caracteriza principalmente por sua pelagem na calda que se assemelha a uma bandeira estiada. Pode ser encontrado na Mata Atlântica, Amazônia e Cerrado e está em perigo de extinção devido o desmatamento e queimadas de grandes áreas para  fins agrícolas ou criação de gado.

Tartaruga de Couro

Tartaruga de Couro (Foto: Reprodução)

Considerada a maior espécie de tartaruga marinha do mundo podendo ser encontrada em quase toda a costa brasileira. A Tartaruga de Couro possui um longo casco com grandes elevações em forma de linhas características. O principal problema é a pesca ilegal da espécie para a venda em outros países onde o consumo da carne e a utilização do óleo extraído são legalizados.

Peixe-Boi-Marinho

Peixe-boi-marinho (Foto: Reprodução)

O peixe boi marinho ou manati hoje é reconhecido como o mamífero aquático da costa brasileira (chegando a 4 metros de comprimento) e também em maior perigo de extinção no Brasil. Tipicamente encontrado desde o litoral norte americano, passando pela América Central e por último, no Nordeste brasileiro, essa espécie é cada vez mais acometida pela pesca acidental no animal.

Mico-leão-da-cara-preta

Mico-leão-da-cara-preta (Foto: Reprodução)

Existe uma discussão quanto o parentesco direto com a mico-leão-dourado, sendo até mesmo considerado por alguns cientistas como uma espécie a parte. Fato é que essa espécie de primata brasileiro é a que está em maior risco de desaparecer do país entre os primatas. Encontrado principalmente na Mata Atlântica, o desmatamento ocorrido pela urbanização durante os séculos fez com que o número populacional se reduzisse drasticamente. Atualmente, há entorno de 300 animais dessa espécie.

 

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?