DicasFree.com » Doença » Garganta inflamada com pus

Garganta inflamada com pus

Saiba através deste artigo os principais problemas relacionados a garganta inflamada com pus. Mais informações sobre o assunto você acompanha aqui no Dicas Free!

     

Quando uma garganta está inflamada, geralmente apresenta alguns sintomas bem peculiares. O desconforto é frequente, levando em consideração a grande dor sentida, já que você dificilmente conseguirá engolir alimentos com tanta facilidade, dificultando o hábito de se alimentar.

Há muitas pessoas que se apresentam com faringite ou a chamada garganta inflamada, mas não tratam adequadamente. Será necessário que, em primeira instância, procure um profissional adequado para examinar, principalmente se estiver com adição de pus.

O que é?

Garganta inflamada com presença de pus pode ser o desenvolvimento e proliferação de inúmeras bactérias. Além de ocasionar problemas de cunho grave, o desconforto pode fazer passar por momentos totalmente desagradáveis, principalmente devido ao mal cheiro da garganta.

Sintomas

É importante que você preste atenção em alguns sintomas, lembrando sempre de identificar se há ou não presença de pus. Observe se você se encaixa nos quadros de complicações abaixo:

  • Dor para engolir, falar e bocejar;
  • Mal-estar;
  • Vermelhidão no fundo da boca;
  • Furinhos vermelhos, aftas;
  • Formação de placas de pus;

Tratamento

Não é recomendado que você se automedique. O desenvolvimento da dor de garganta pode estar ligada a outros problemas, devido a essa possibilidade não é indicado que procure medicamentos que possam curar a faringite. Portanto, o melhor é que procure um profissional da área da saúde, geralmente o clínico geral.

Garganta inflamada (Foto: Reprodução)
Créditos da foto: http://nofodontologia.com.br/

Certamente ele receitará antibióticos e outros medicamentos como:

  • Amoxicilina
  • Ibuprofeno
  • Penicilina

Alguns médicos ainda indicam algumas receitas caseiras como o gargarejo.

Há formas de prevenção?

A principal forma de prevenção, por mais estranho que seja, é não respirar pela boca. Quando você o faz com frequência, pode acabar ressecando a mucosa dessa região e facilitando o alojamento de bactérias. Também é importante que cuide de sua alimentação e pratique exercícios.

Preste atenção se a dor é viral ou prolongada, a viral costuma ter duração de dois a três dias, passando desse período procure um médico, pois essa é prolongada. As inflamações de garganta também podem desencadear outros problemas.

Uma boca dica para quem começar a desenvolver dores é tomar chá de gengibre. Além é claro de fazer hidratação diariamente com, no mínimo, dois litros de água. As dores de garganta não são contagiosas, mas se forem associadas a doenças como tuberculose ou pneumonia, podem transmitir. Fique atento!

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?