DicasFree.com » Animais » Filhote de cachorro com vômito e diarreia com sangue

Filhote de cachorro com vômito e diarreia com sangue

Entenda o que pode ser a diarreia acompanhada de vômitos que está afetando o seu filhote. Clique aqui e descubra agora!

     

Diarreias e vômitos são disfunções comuns em cachorros filhotes, essas estão ligadas a patologias diversas como intoxicação alimentar ou virose, também não é raro que esses mesmos distúrbios venham acompanhados de sangue.

O vírus mais agressivo é o parvovírus, que costuma atacar (na maioria das vezes) filhotes, já que ainda estão em fase de desenvolvimento e seu sistema imunológico não está totalmente estabelecido. Existem ocorrências de que vômitos e diarreias com sangue também acometem cães adultos.

Sintomas

O animal nesta situação fica muito debilitado, sem ânimo. A quantidade de água ingerida torna-se cada vez menor, assim como o alimento. Lembrando que a desidratação, se não tratada, pode leva-lo à morte.

Observação: Ainda que ele se recuse a beber água, é preciso mantê-lo hidratado.

Filhote. (Foto: Reprodução)

Quem pode ser acometido pelo problema?

  • Cães adultos;
  • Filhotes (principalmente);
  • Gatos.

Fique atento ao indício da doença. Primeiro, é necessário discernir se é mesmo um vírus ou uma intoxicação alimentar.

Como identificar?

» A intoxicação pode durar alguns dias, onde a diarreia não é acompanhada por sangue.

» O vírus pode durar até várias semanas.

Se suspeita de “parvovirose”, leve imediatamente o seu animal a uma clínica veterinária. Lá ele receberá tratamento adequado. Em casa, no período em que estiver doente é preciso isolá-lo para evitar contato com outros animais impedindo a transmissão. O tratamento pode levar semanas até a recuperação total.

É preciso ficar atento com o grau de desidratação, essa poderá apresentar dificuldades no desenvolvimento da cura. Apesar do problema ser recorrente e bastante comum, existem algumas formas de prevenção como:

  • Mantenha-o em locais limpos;
  • Mantenha-o vacinado;
  • Evite contato com cães de rua;
  • Leve-o sempre ao veterinário para um check-up;
  • Alimente-o apenas com a ração adequada a seu tipo.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?