DicasFree.com » Saúde » Crise de pânico sintomas e tratamento

Crise de pânico sintomas e tratamento

Para saber mais informações sobre a síndrome do pânico, como tratar e quais os primeiros sintomas, acompanhe este artigo!

     

Síndrome do pânico

As crises de pânico são mais comuns do que muita gente imagina. Elas agem diretamente no cérebro, fazendo com que a pessoa tenha fobia de alguém ou algo. Em muitos casos está ligada a esquizofrenia. Os ataques acontecem quando menos se espera e tomam uma proporção gigantesca em cerca de 15 minutos.

Os ataques geralmente estão ligados também a ansiedade por qualquer coisa que seja. Também pode ser derivada de algum trauma, perdas, entre outros. As crises ocorrem geralmente quando a pessoa em questão está no meio de uma multidão ou se passar muito tempo dentro de carros ou ônibus.

síndrome do pânico

Quando a doença está mais agravada, a pessoa passa a ter ataques dentro da própria casa. Esses estágios são os mais avançados e os pacientes devem ser conduzidos a uma casa psiquiatra o quanto antes. Não é possível viver sem ajuda médica, orientações, medicações e afins. Os sintomas são bem fáceis de serem reconhecidos.

Sintomas

  • Dores na região do peito
  • Ter tonturas ou desmaiar com facilidade
  • Constante medo da morte
  • Constante medo de ficar fora de controle
  • Engasgar
  • Se sentir indiferente para outras pessoas
  • Náuseas 
  • Sensação de dormência
  • Palpitações ou taquicardia
  • Sensação de sufocamento
  • Calafrios e suor
  • Tremedeira

O que pode causar síndrome do pânico?

  • Depressão
  • Alcoolismo
  • Drogas

Tratamento

Os tratamentos podem ser variados de acordo com o nível em que estiver a doença no paciente. Por isso, não é indicado que você se auto medique. Antes de mais nada, é necessário que passe por uma consulta com psiquiatra, profissional especialista na área. Geralmente estão inclusos nos medicamentos, antidepressivos e calmantes.

Medicamentos

  • Fluoxetina
  • Sertralina
  • Paroxetina
  • Outros ISRSs

Algumas práticas como fazer exercícios, ter bom sono e alimentação, reduzir a cafeína, calmantes e medicamentos pra gripe também pode diminuir as reações do pânico. O estresse controlado também pode ajudar muito, assim que houver desconfiança da doença, procure um médico e siga as orientações o mais rápido possível.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?