DicasFree.com » Beleza » Como ter um barriga negativa

Como ter um barriga negativa

A nova sensação nas academias do país entre as mulheres é a busca pega barriga negativa. Saiba o que é e como conseguir chegar a essa forma.

     

Os padrões de beleza sempre influenciaram de alguma forma as pessoas participantes nas mais diversas etnias. Para encaixar-se nesse padrão, muitas vezes modificações corporais e também mudanças nos hábitos e estilo de vida da pessoa necessitam ser mudados e readaptados.

Porém, atualmente os conceitos de moda são universais na maioria dos casos, perdendo assim o significados cultural que tinham antes em suas individualidades étnicas. Um grupo de pessoas influentes decidem e lançam publicidade de como você deve se vestir e como deve ser.

Barriga Negativa

Barriga Negativa

Desse modo, com a rapidez dos meios de divulgação, logo milhares de pessoas estarão tentando ao máximo de encaixar nos novos padrões que tanto mudam. A novidade no momento, é a barriga negativa, algo que es tá virando febre nas academias.

Barriga Negativa

O termo acima é utilizado quando a pessoa consegue curvar de forma quase côncava a barriga pela magreza, ressaltando os ossos da bacia e dando o aspecto de ausência de barriga.

Em primeiro lugar, para se conseguir a barriga negativa, deve-se levar em consideração dois fatores: muito exercício e pouca alimentação. Em base, os abdominais não podem trazer hipertrofia, ou seja, a candidata a barriga negativa terá de fazer em média 30 minutos de trabalho aeróbico e abdominais mais repetitivas e sem peso todos os dias.

A alimentação deve ser rica em fibras e em muito líquido para estimular que a região trabalhe mais e que o emagrecimento aconteça em maior tempo. Dessa forma, será possível chegar ao resultado.

Impedimentos e Problemática

A forma física para se obter a barriga negativa é prejudicial a saúde, segundo alguns profissionais na área médica. Para se obter tal forma, é necessário perder além de gordura, também a massa magra. Isso pode enfraquecer o abdome e os conjuntos musculares que dele fazem parte.

Um gravidez nesse período por exemplo, seria de grande risco. Além disso, para que uma mulher chegue a esse nível, ela precisaria ter o índice de gordura abaixo ou entorno de 16 %, porcentagem muito próxima para a menorreia e da desnutrição.

Nem todas as mulheres possuem o biotipo para conseguir essa façanha e a busca desregrada delas pode acabar em problemas psicológicos como bulimia e anorexia, algo que diversas campanhas já trabalham para inverter esses valores mortíferos.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?