DicasFree.com » História » Colonização das Ilhas Malvinas

Colonização das Ilhas Malvinas

A história das Ilhas Malvinas pode responder algumas questões ainda atuais sobre o local e suas origens políticas e culturais. Saiba mais sobre isso clicando no post!

     

As Ilhas Malvinas foram foco de alguns conflitos justamente pela indecisão de seu pertencimento. Na época das grandes navegações que se iniciou entre 1490, arrastando-se até 1700, Portugal e Espanha seguiam na frente com grande quantidade de descobertas territoriais e por sua marinha até então mais preparada para longas viagens.

As ilhas que atualmente sabemos a localização próxima a Argentina foram visitadas e avistadas por diversos navegadores, entre eles espanhóis, ingleses, franceses, portugueses e holandeses, dificultando assim a originalidade da posse de quem as descobriu. Os espanhóis que aliás tinham grande parte da América do Sul, reivindicaram o território como posse de seu país, enquanto a Inglaterra também entendia te-lo por direito.

A Colonização

Apesar disso, a colonização das Ilhas Malvinas foi bastante complicada. A presença de ingleses, franceses e espanhóis no território acabou por gerar alguns conflitos. Em 1766, a França concede sua parte do território a Espanha, que no mesmo ano declarou guerra aos ingleses pelo território.

Ilhas Malvinas

Ilhas Malvinas

A disputa terminou decidida que a parte ocidental ficaria em poder da Espanha e a parte Oriental em poder da Inglaterra. Com os movimentos de independência acontecendo nas Américas, o enfoque as Ilhas Malvinas foi deixado de lado, fazendo com que os habitantes partissem e abandonassem o local.

Em 1827, a Argentina já consolidada como Estado independente da Espanha, enviou colonos para reocupar o território das Malvinas. Lá estabeleceram uma capital política e algumas atividades. Dois baleeiros norte americanos foram capturados nas proximidades e as tensões só se intensificaram.

Por volta de 1833, o império britânico envia navios armados para retomada do território das malvinas. Sem condições de resistência, os argentinos voltam para seu país e a colonização inglesa do local é iniciada. Só por volta de 1966, grupos nacionalistas argentinos vão até as ilhas e declaram-nas como território argentino.

Apesar dos nacionalistas terem sido reprimidos pelo governo local e governo britânico, as tensões entre os dois países cresceram ainda mais, o que levou a Argentina entrar em guerra contra a Inglaterra pelo território, conflito conhecido como Guerra das Malvinas, onde os ingleses saíram vitoriosos.

Ainda hoje, os Argentinos buscam a posse das ilhas, e por meio de diversos tratados internacionais, conseguiram que muitos países, entre eles o Brasil, reconhecessem o território como legitimamente argentino.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?