DicasFree.com » Carros » Carros rebaixados: Como rebaixar, Corte de Molas, Suspensão Fixa,Suspensão de Rosca,Suspensão a Ar

Carros rebaixados: Como rebaixar, Corte de Molas, Suspensão Fixa,Suspensão de Rosca,Suspensão a Ar

Clique no post e saiba as principais informações sobre o processo de rebaixamento de carros, seus perigos, vantagens e desvantagens. Como rebaixar, Corte de Molas, Suspensão Fixa,Suspensão de Rosca,Suspensão a Ar .

     

Rebaixar o carro é com certeza uma das maiores paixões dos apaixonados por carros tunados e modificados. Segundo eles, essa modificação na estrutura e altura do veículo dá mais estabilidade, além de proporcionar um visual mais agressivo. Porém, rebaixar o carro não é uma tarefa fácil e é preciso que o dono do veículo fique atento nos métodos e nos profissionais que farão o serviço.

Como Rebaixar?

Existem várias formas de se rebaixar um veículo. Cada método possui suas particularidades e nem todos são muito indicados. Do contrário do que a maioria possa imaginar, grande parte dos métodos acabam tirando a estabilidade do carro e dificultando na hora de dirigi-lo. Isso acontece porque os carros de rua não são eitos para serem rebaixados e o processo por de ser feito de forma errada.

Tendo isso e vista, listarei alguns processos conhecidos e outros processos mais indicados para rebaixar o veículo com mais conforto e segurança. Os métodos mais agressivos e instáveis não serão citados porque esses podem comprometer muito a integridade do carro e afetar a segurança não só do condutor como a de todos no trânsito.

carro

Métodos para Rebaixar 

Método do Corte de Molas:

Nesse processo, toda a suspensão do veículo é desmontada e retirada para que se faça o corte. A ideia é cortar a mola na marte de baixo para que o carro fique mais rente ao solo. Normalmente, após esse processo, é colocado algum tipo de capa ou mangueira para que o conjunto modificado não produza ruídos.

Esse método pode causar alguns danos no veículo com o tempo por não evitar que o amortecimento seja eficaz em contrate com o peso do carro. Diminuir a mola significa diminuir sua eficacia na absorção dos impactos com o solo.

Método de Suspensão Fixa:

Método onde simplesmente toda a suspensão é refeita e preparada para o veículo.Os amortecedores tem o curso menor e as molas são adaptadas de modo preciso para aguentarem mais impactos e suportarem o tranco. É um dos métodos mais seguros e tem como vantagem a simplicidade do processo que não envolve cortes nem o uso do maçarico.

Outra vantagem da Suspensão Fixa é que ela não precisa estar fora dos padrões permitidos por lei, então além de embelezar o carro e não perder a estabilidade, você ainda poderá dirigir por aí sem medo de paradas policiais.

Método da Suspensão de Rosca:

A suspensão de rosca é muito utilizada em carros de corridas devido a uma particularidade da mesma. Ela é como a Suspensão Fixa, porém com a vantagem de ter um sistema de rosca dos amortecedores que permite alterar o tamanho sempre que necessário.

Além de ser mais barata e confiável, a suspensão de rosca mantém boa estabilidade e pode obedecer a vários tamanhos. Mas cuidado, a instalação desse tipo de material não é permitida por lei e veículos de rua.

Suspensão a Ar:

Esse tipo de suspensão assume um conjunto mais complexo de amortecedores, molas, compressores, cilindros e bolsas com um sistema eletrônico que permite ao condutor alterar instantaneamente a altura do veículo com apenas um toque de botão.

Tem a vantagem um pouco parecida com as suspensões de rosca, porém essa por sua vez, pode acabar ocupando espaço no carro para por os compressores ou cilindros. Outra coisa a se atentar é que esse tipo de suspensão só permitida em alguns caminhões, então, nada de paradas policiais se tiver uma dessas.

Qual Compensa Mais?

Sem dúvidas o método para rebaixar veículos de rua que mais compensa é o da suspensão fixa, que além de deixar o carro bonito, evita que esse perca a estabilidade e a segurança, além de proporcionar os menores ruídos quando conduzido.

O método de rosca poderia ser o melhor nessas questões, porém sua proibição pode acabar trazendo problemas aos condutores que podem ser multador ou no pior dos casos, terem o veículo apreendido. O método da suspensão fixa garante a forma permitida para se rebaixar um veículo de forma agradável e segura.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?