DicasFree.com » Favela » Alemão favela

Alemão favela

Conheça a história de criação e o desenvolvimento do Complexo do Alemão, situado na cidade do Rio de Janeiro.

     

Na Zona Norte da cidade do Rio de Janeiro está localizado o Complexo do Alemão, indiferente do conhecimento de muita pessoas esse é um bairro carioca que inclui cerca de 20 favelas. Durante muitos anos, toda a região era considerada como uma das mais violentas da cidade, uma vez que ali estavam concentrados os mais perigosos grupos e facções criminosas do Rio.

A quantidade de traficantes era tão intensa, que frequentemente aconteciam conflitos entre os bandidos, causando transtornos e pânico nos moradores de bem que vivem nas comunidades e também nos bairros vizinhos, como Ramos, Olaria, Penha, Inhaúma e Bonsucesso. O local onde hoje se encontra o complexo, era denominado como Serra da Misericórdia de formação vertical e geologicamente repleta de morros e nascentes.

BAIRRO CARIOCA

Complexo do Alemão – RJ

Por causa da construção do complexo, pouco se restou das inúmeras áreas verdes que existiam, isso porque ainda há intervenções de algumas ONGs que lutam pela sua preservação. O nome alemão existe por causa do polonês Leonard Kaczmarkiewicz que na década de 20 era proprietário de parte do terreno na Serra da Misericórdia, a população então o chamava de alemão, e a região acabou ficando conhecida como Morro do Alemão.

Com a decisão de Leonard em dividir as terras para venda, houve ao mesmo tempo um enorme crescimento do comércio e da indústria, o que gerou uma intensa ocupação desordenada nos morros, justamente para que os trabalhadores ficassem próximos do trabalho e também de suas famílias. As favelas são um meio de sobrevivência mais pouca assistência possuem, tanto que por um bom tempo utilizam as nascentes do rio como fonte de água.

Com a falta de saneamento e redes de esgotos, essas mesmas nascente são utilizados também como valões de esgoto. A falta de abastecimento de energia elétrica, de assistência médica, educação, entre outros direitos declarados como básicos para qualquer cidadão, são alguns dos problemas enfrentados pelas favelas do alemão e de tantas outras existentes nas grandes cidades.

Operação de pacificação

Operação de pacificação do Complexo do Alemão em 2010.

As favelas que formam o Complexo do Alemão totalizam-se em toda a região administrativa, chegando a ocupar aproximadamente 437.880 m². O conjunto composto por 13 favelas são: Morro da Baiana – Morro do Alemão – Alvorada – Matinha – Morro dos Mineiros – Nova Brasília – Pedra do Sapo – Palmeiras – Fazendinha – Grota – Chatuba – Caracol – Favelinha – Vila Cruzeiro – Caixa d´água – Morro do Adeus.

No ano de 2010, o governo viu-se no direito de modificar a história do Complexo do Alemão e decidiu intervir no bairro com a ajuda de esforços pacificadores, como o BOPE, Polícia Federal e Civil, a CORE (Coordenadoria de Recursos Especiais) e as Forças Armadas, para realizar uma operação especial com a finalidade para retomar o controle da região que estava em poder dos traficantes locais.

Operação de pacificação

A pacificação no Complexo do Alemão transformou o bairro e m local turístico.

A operação iniciou no dia 26 de Novembro de 2010, onde todos os participantes fizeram um tipo de cerco no complexo. Houve muitas trocas de tiros com os bandidos, e por causa da região ser geograficamente vertical, muitos ainda conseguiram se esconder na escassa mata contida nos arredores. Três dias depois, alguns traficantes se entregaram, outros foram mortos e a polícia conseguiu apreender toneladas de drogas e armas.

Com a pacificação mantida, o governo pode implantar no Complexo do Alemão Programa de Aceleração do Crescimento, e várias outras melhorias como moradia e infraestrutura em geral, afim de proporcionar uma vida para os cidadãos e ao mesmo eliminar a imagem do estigma da favelização e da violência que a muitos anos mantinha. O tráfico em si não foi extinto por completo, mas no Complexo as pessoas podem viver com mais tranquilidade.

Texto do mesmo assunto:


Quer comentar ?